segunda-feira, 31 de maio de 2010


Há mãos q sustentam e mãos q abalam.
Mãos q limitam e mãos q ampliam.
Mãos q denuciam e mãos q escondem os denunciados.
Mãos q se abrem e mãos q se fecham.
Há mãos q afagam e mãos q agridem.
Mãos q ferem e mãos q cuidam das feridas.
Mãos q destroem e mãos q edificam.
Mãos q batem e mãos q recebem as pancadas dos outros.
Há mãos q apontam e guiam e mãos q desviam.
Mãos q são temidas e mãos q são desejadas e queridas.
Mãos q dão com arrogância e mãos q se escondem ao dar.
Mãos puras e mãos q carregam censuras.
Há mãos q escrevem para promover e mãos q escrevem para ferir.
Há mãos q apertam por amizade e mãos q se empurram por ódio.
Mãos furtivas q traficam destruição e mãos amigas q desviam a ruina.
Mãos finas q provam a dor e mãos rudes q espalham amor.
Mãos q oram e imploram e mãos que se devoram.
Mãos de caim q matam.
Mãos de jacó q enganam.
mãos de judas q entregam.
Mas há também as mãos de simão,q carregam a cruz,e as mãos de verônica q enxugam o rosto de jesus.

luz da prece.


1.Comece o dia acendendo no peito a luz da prece.
2. Envie aos amigos um pensamento de amor e envolva
os desafetos em vibrações de paz.
3. Verifique a sua agenda e trace as suas metas para
hoje de modo a não perder tempo.
4. Estampe no rosto um sorriso fraterno e coloque nos
lábios palavras de gentileza.
5. Não se mostre pessimista, mas não espere atravessar
o dia sem problemas.
6. Afaste-se da crítica destrutiva, procurando encorajar
os companheiros nas lutas em que se empenham.
7. Olvide os pequeninos aborrecimentos e esforce-se para
superar esse ou aquele contra-tempo, predispondo-se a
compreender e perdoar sempre.
8. Aprenda a guardar silêncio para que saiba falar no
momento oportuno.
9. Não deixe passar a oportunidade de fazer o bem a quantos
se aproximem de seus passos.

O Centro Espírita


O Centro Espírita é importante núcleo educativo no vasto instituto da família humana, onde recolhemos sublimes inspirações que nos induzem ao auto-aperfeiçoamento e nos ensejam o dever do auxílio mútuo no plantio do amor.

Imaginemo-lo na complexidade de usina e laboratório, hospital e escola, núcleo de pesquisas e célula de experiências valiosas, onde o coração e o cérebro se entreguem a inadiáveis tarefas de abnegação e fraternidade, de equilíbrio e união, de estudo e luz.

Abençoado lar de nossas almas, recorda-nos a efetiva integração na grande família universal.

Sentindo-lhe a missionária participação na atualidade de nossos destinos, abracemos responsabilidades e encargos na Casa Espírita, evitando, quanto possível, que a instituição cresça ao sabor da casualidade, relegando à inspiração de benfeitores espirituais zelos e providências inerentes aos encarnados.

Findas as primeiras emoções no contato com as verdades espirituais, deixemos que a razão nos governe os sentimentos, a fim de que o Centro Espírita se alteie, disciplinado e nobre, conservando seu potencial de atividades futuras, à feição da semente, exuberante de esperanças, entremostrando nos tenros rebentos os germes que organizarão os diversos departamentos do vegetal superior, transformadores da seiva nutris em frutos sazonados.

Evitemos as improvisações na sementeira da fé. Dois mil anos de experiências no Cristianismo são preciosas lições que não se pode desprezar.

A Casa Espírita guardará, por certo, a simplicidade do templo de corações, mas não poderá fugir às destinações de educandário de almas.

Adequar-lhe a ambiência física, com vistas às suas finalidades precípuas, é conseqüência inadiável de nossa vivência à luz do bom senso, que jamais se compadece com a inoperância de tudo relegar à determinação única dos Espíritos.

Observemos, em breves comparações, os valores da cultura terrestre determinando eficiente orientação para o progresso geral, criando nos bastidores de suas conquistas, ambientes propícios ao desenvolvimento de suas atividades. Aqui, reconhecemos que os redutos de instrução pedem salas adequadas, do pré-escolar ao estudo de nível superior; ali, verificamos que os laboratórios médicos exigem implementos próprios, em meio asséptico; adiante, anotamos os engenhos da cibernética reclamando da tecnologia crescente, compartimentos especiais para que funcionem a contento, amparando o progresso...

Se as conquistas transitórias da mente reclamam tempo e espaço adequados às manipulações do estudo digno, estipulando em média quinze anos no labor ininterrupto com os livros para que os diplomas rotulem o conhecimento especializado, que não dizer das aquisições perenes do Espírito no trato com a moral sublime onde a religião reserva à fé seu galardão de luz?

Contemplemos o recanto de terra trabalhada pelo agricultor. Após o primeiro instante do êxtase sob a força do ideal, o lidador do solo entrega-se, cheio de afã, a arrotear o campo, dividindo a área cultivada em compartimentos destinados a este ou aquele cultivo.

O Centro Espírita não deve crescer, igualmente, ao influxo de nosso puro sentimentalismo, que nem sempre reflete amadurecimento, segurança ou equilíbrio.

Entendemos, assim, a importância do movimento unificador da Doutrina, cujas Instituições mas experientes orientarão o crescimento equilibrado dos novos núcleos, ainda carentes de previsão e segurança.

A família cuidadosa edificará o domicílio acolhedor, prevendo, para melhor prover, departamentos nos quais acolherá a prole querida, nos quais atenderá às obrigações sociais e montará o indispensável laboratório da alimentação e saúde.

Similarmente, a Casa Espírita há de surgir, crescer e desenvolver-se, considerando suas definições próprias nos cenários humanos.

É indispensável a sala de orações onde nos entregamos de igual modo aos estudos públicos do Evangelho e da Vida ou à conversação discreta com irmãos enfermiços do plano espiritual. Contudo, bem maior é a responsabilidade, ainda não percebida por todos os espíritas, de mobilizar todos os recursos possíveis, à instrução, orientação e educação dos encarnados, seja na infância, na mocidade, na madureza ou na velhice, a fim de que se desincumbam com êxito de suas tarefas.

O Centro Espírita será, antes de tudo, o estabelecimento educativo para encarnados, de vez que o plano espiritual não se abstém de organizar a ambiência adequada ao amparo dos desencarnados.

Atentos, pois, à organização jurídico-social de nossas instituições, sem nos descurarmos dos encargos econômicos impostos pelo cotidiano, observemos, com singular ênfase, sua adequação física com vistas ao funcionamento ideal dos núcleos doutrinários vigilantes no conhecimento de que o Centro Espírita, ainda que singelo e pequenino, exigirá de cada um de nós dignidade de convicção e fé, bem como disciplina e elevação no sublime sacerdócio que nos cabe no santuário de nossa renovação espiritual.

Guillon Ribeiro

(Mensagem psicografada em reunião pública da Casa Espírita Cristã, em 02/02/1969, pelo médium Júlio Cezar Grandi Ribeiro)

Fonte: Reformador de Agosto de 1976

domingo, 30 de maio de 2010




A vida é uma incógnita onde somente e fé e o tempo são capazes de proporcionar a certeza.
Sábio é o homem que acredita em sí e na sua evolução, aceitando de forma simples a realidade.
Tendo como armas em sua defesa a virtude da paciência e a coragem de entendimento.
Aproveita as oportunidades e momentos que sua intuição lhe aconselha transparentemente.
Independente de qual seja o resultado, pois tudo é positivo perante o CriadorTodos os dias Deus nos dá um momento em que é possível mudar
tudo que
nos deixa infelizes.

O instante mágico é o momento em que um "sim" ou
um "não" pode mudar toda a nossa existênciaNunca tenha medo de enfrentar os obstáculos que estão no seu caminho. Lute, persevere e tenha fé, pois Deus sempre estará Te guiando e Te auxiliando sempre.


ERRO mas no Fim tudo dá CERTO!

   Todos nois erramos, mas afinal
errar é humano. Mas quem nunca fez o ERRADO que
sem querer deu CERTO, faz parte da vida errar,
      mais o da certo não sei.
Dar sentindo a vida é missão de amor.
Quanto mais somos capazes de amar
e de nos dedicar a alguém, tanto mais
plena de sentindo se torna nossa vida”.
Você é do tamanho de sua fé
E vale tanto quanto a grandeza
do seu amor.

quarta-feira, 19 de maio de 2010

O Culto do Evangelho no Lar

O que é o Culto do Evangelho no Lar ???

Trata-se do estudo do Evangelho de Jesus em reunião familiar. O Culto do Evangelho no Lar, realizado no ambiente doméstico, é precioso empreendimento que traz diversos benefícios às pessoas que o praticam e os que moram no ambiente, Quando o Culto do Evangelho no Lar é praticado fielmente à data e ao horário semanal estabelecidos, atrai-se para o convívio doméstico Espíritos Superiores, que orientam e amparam, estimulam e protegem a todos.

A presença de Espíritos iluminados no Lar afasta aqueles de índole inferior, que desejam a desunião e a discórdia. O ambiente torna-se posto avançado da Luz, onde almas dedicadas ao Bem estarão sempre presentes, quer encarnadas, quer desencarnadas.As pessoas habituadas à oração, ao estudo e à vivência cristã, tornam-se mais sensíveis e passíveis às inspirações dos Espíritos Mentores.COMO FAZER O CULTO DO EVANGELHO NO LAR?

01 - ESCOLHA DO LOCAL

Escolhe-se um dia da semana e hora em que seja possível a presença de todos os familiares ou da maior parte deles, observando-se com rigor a sua constância e pontualidade, para facilitar a assistência espiritual.A direção do Culto do Evangelho no Lar caberá a um dos cônjuges ou a pessoa que disponha de maiores conhecimentos doutrinários. Cabe lembrar, no entanto, que por se tratar de um estudo em grupo não é necessária a presença de pessoas com cultura doutrinária. Na pureza dos ideais e na sinceridade das intenções, todos aprenderão juntos, auxiliando-se mutuamente. É importante que os temas sejam discutidos com a participação de todos, na medida do possível, sem imposições, para evitar-se constrangimentos.Deve-se buscar um ambiente amistoso, de respeito, pois, viver e falar com Jesus é uma felicidade que não se deve desprezar. Antes do início da reunião, prepara-se o local, colocando-se em cima da mesa água pura, em uma garrafa ou vasilha equivalente, para ser beneficiada pelos Benfeitores Espirituais, em nome de Jesus.


02- Leitura de uma mensagem
A leitura inicial de uma mensagem poderá, após, ser comentada ou não. Ela tem por objetivo propiciar um equilíbrio emocional, procurando harmonizá-lo com os ideais nobres da vida, a fim de facilitar melhor aproveitamento das lições. Poderemos lembrar obras com "Pão Nosso", "Fonte Viva", "Vinha de Luz", "Caminho, Verdade e Vida", "Palavras de Vida Eterna", "Ementário Espírita", "Glossário Espírita Cristão".

03- Prece Inicial
"Dando curso ao salutar programa iniciado por Jesus, o de reunir-se com os discípulos para os elevados cometimentos da comunhão com Deus, mediante o exercício da conversação edificante e da prece renovadora, os espiritistas devem reunir-se com regularidade e freqüência para reviver, na prece e na ação nobilitante, o culto da fraternidade, em que se sustentem quando as forças físicas e morais estejam em deperecimento, para louvar e render graças ao Senhor por todas as suas concessões, para suplicar mercês e socorros para si mesmos quanto para o próximo, esteja este no círculo da afetividade doméstica e da consanguinidade, se encontre nas provações redentoras ou se alongue pelas trilhas da imensa família universal."Após a leitura da mensagem, inicia-se o Culto do Evangelho no Lar, com uma prece. A oração deve ser proferida por um dos participantes, em tom de voz audível a todos os presentes e de forma simples e espontânea, não devendo ser, portanto, decorada. Os demais, acompanham-no, seguindo a rogativa, frase por frase, repetindo,-mentalmente, em silêncio, cada expressão, a fim de imprimir o máximo ritmo e harmonia ao verbo, ao som e a idéia, numa só vibração.Na prece pode pedir-se o amparo de Deus para o lar onde o Evangelho está sendo estudado, para os presentes, seus parentes e amigos; para os enfermos, do corpo e da alma; para a paz na Terra; para os trabalhadores do Bem e etc.A prece, além de ligar o ser humano à espiritualidade, traduz respeito pelo momento de estudo a realizar-se.


04- ESTUDO DO EVANGELHO DE JESUS


O estudo do Evangelho do Cristo, à luz da Doutrina Espírita - "O Evangelho segundo o Espiritismo", de Allan Kardec - poderá ser estudado de duas formas:


a) estudo em seqüência - o estudo metódico, em pequenas partes, permite o conhecimento gradual e ordenado dos ensinamentos que o livro encerra. Após o seu término, volta-se, novamente, ao capítulo inicial;


b) estudo ao acaso - consiste na abertura, ao acaso, de "O Evangelho segundo o Espiritismo", o que ensejará, também, lições oportunas, em qualquer ocasião.
Os comentários devem envolver o trecho lido, buscando-se alcançar a essência dos ensinamentos de Jesus, realçando-se a necessidade da sua aplicação na vida diária.Pode reservar-se, posteriormente, um momento de palavra livre, onde os participantes da reunião exponham situações da vida prática, para o melhor entendimento e fixação das lições.


05- PRECE DE AGRADECIMENTO


Um dos presentes fará uma prece, agradecendo as bênçãos recebidas no Culto do Evangelho no Lar, pela paz, pelas lições recebidas etc...


06- DURAÇÃO

O tempo de duração deve girar em torno de 30 minutos ou mais.


OBS.:

No Culto do Evangelho no Lar deve ser evitada manifestações mediúnicas. A sua finalidade básica é o estudo do Evangelho de Jesus, para o aprendizado Cristão, a fim de que seus participantes melhor se conduzam na jornada terrena. Os casos de mediunidade indisciplinada devem ser encaminhados a uma sociedade espírita idônea.
Deve-se evitar comparações ou comentários que desmereçam pessoas ou religiões. No Evangelho busca-se a aquisição de valores maiores, tais como a benevolência e a caridade, a compreensão e a humildade, não cabendo, dessa forma, qualquer conversação menos edificante.
A realização do Culto do Evangelho no Lar não deve ser suspensa em virtude de visitas inesperadas. Deverá ser esclarecido o assunto com delicadeza e franqueza, convidando-se o visitante a participar do Culto, caso lhe aprouver.
O Culto do Evangelho no Lar não deve ser prejudicado, também, em virtude de solicitações sem urgência, recados inoportunos, passeios, festividades de qualquer ordem. Soluções razoáveis, de imediato, ou iniciativas, apôs a reunião, deve ser o caminho para superar os pretensos impedimentos.
Somente no caso de situações incontornáveis, em que todos não possam estar presentes, é que se justifica a não realização do Culto do Evangelho no Lar.
Evite-se ligar rádio ou televisão no dia do Culto, próximo e depois da hora de sua realização, bem como a leitura de jornais ou obras sem caráter edificante, para que se mantenha um ambiente vibratório de paz e tranqüilidade dentro do Lar, bem como saídas à rua, senão para inevitáveis e inadiáveis compromissos.Presença de criança no CultoAs crianças devem, também, participar do Culto do Evangelho no Lar. Nesses casos, os adultos descerão os comentários ao nível de entendimento delas.
Recomenda-se a leitura, como subsídio, dos capítulos 35 e 36 da obra "Os Mensageiros", do Espírito André Luiz, e "Evangelho em Casa", do Espírito Meimei, psicografadas pelo médium Francisco Cândido Xavier e editadas pela Federação Espírita Brasileira.

ESSAS INFORMAÇÕES VISAM APENAS AUXILIAR VC, SE VC PRATICA O CULTO DE OUTRA FORMA NÃO SE SINTA OFENDIDO, ISSO É APENAS UMA FORMA BÁSICA DE REALIZAR O CULTO NÃO SENDO UMA FORMA PADRÃO.

Doutrina Espírita


Doutrina Espírita
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.


Allan Kardec, o codificador e sistematizador da Doutrina Espírita.
A Doutrina Espírita, espiritismo ou kardecismo[1][2][3][4], segundo a definição de seu codificador, o pedagogo francês Hippolyte Léon Denizard Rivail,que adotou o pseudônimo Allan Kardec, é uma ciência que trata da natureza, origem e destino dos Espíritos, bem como de suas relações com o mundo corporal.[5] O termo mais apropriado para designar esta Doutrina é a denominação Espiritismo, conforme orientação expressa no primeiro livro da codificação da Doutrina, O Livro dos Espíritos. Já o termo "kardecismo" foi introduzido por parte dos seus seguidores como forma de distinguí-la de outras crenças e religiões existentes, principalmente no Brasil, sendo, entretanto, sob a luz do próprio Espiritismo um termo equivocado, já que poderia induzir ao entendimento de que o papel de Allan Kardec extrapola os limites da codificação e sistematização didática dos ensinamentos da Doutrina ou que existam várias correntes de pensamento dentro do Espiritismo.
É importante ressaltar ainda que, quem quer que acredite haver em si alguma coisa mais do que matéria é, por definição, espiritualista, independente de sua religião, sendo, portanto, o espiritualismo enquanto oposição ao materialismo, o pilar fundamental da maioria das doutrinas religiosas.
No caso do Espiritismo, a principal diferença entre esta Doutrina e a maioria das demais religiões é sua crença na possibilidade de comunicação entre o mundo corporal e o mundo espiritual, contudo, a fé nesta possibilidade de comunicação gera grande confusão por parte dos leigos entre o Espiritismo e as religiões Afro-brasileiras, contudo, cada uma delas possuem origens completamente distintas umas das outras.
Nascido no século XIX, no dia 18 de Abril de 1857, com a publicação de O Livro dos Espíritos, o Espiritismo se estruturou a partir de diálogos estabelecidos por espíritos desencarnados que, se manifestando por meio de médiuns, discorreram sobre temas religiosos sob a ótica da Moral Cristã, ou seja, tendo por princípio o amor ao próximo. Desta forma foi estabelecido o preceito primário da Doutrina, de que só é possível buscar o aprimoramento espiritual através da caridade aos semelhantes (Lema: Não há salvação fora da caridade), além de trazer a luz novas perspectivas sobre diversos temas de grande relevância filosófica e teológica.
O Espiritismo se caracteriza pelo ideal de compreensão da realidade mediante a integração entre as três formas clássicas de conhecimento, que seriam a ciência, a filosofia e a moral. Segundo Kardec, cada uma delas, tomada isoladamente, tende a conduzir a excessos de ceticismo, negação ou fanatismo.[carece de fontes] A doutrina espírita se propõe, assim, a estabelecer um diálogo entre as três, visando à obtenção de uma forma original que, a um só tempo fosse mais abrangente e mais profunda, para desta forma melhor compreender a realidade. Kardec sintetiza o conceito com a celebre frase: “Fé inabalável só o é a que pode encarar frente a frente a razão em todas as épocas da humanidade”.
A doutrina espírita adota a Moral cristã[nb 1], apesar de suas concepções teológicas diferenciadas. Para os espíritas, nome dado aos seguidores do Espiritismo, Jesus Cristo se trata do espírito mais elevado a já ter encarnado na Terra[6], bem como o modelo de conduta para o auto-aperfeiçoamento humano, tendo provado, pela prática da caridade absoluta e pela sua própria encarnação, que o homem pode suportar as provas necessárias para a sua elevação espiritual.

terça-feira, 18 de maio de 2010

Simplesmente


Simplesmente amiga.
Simplesmente companheira.
Alguém que você pode contar sempre.
Eu vivo a vida aprendendo com os erros e não fico me lamentando com eles e sim aprendendo com meus erros.
Aprendi que ser feliz é da valor nas coisas simples da vida e nas amizades sinceras.
Está ao lado das pessoas que amamos e acima de tudo ser humilde...e saber viver.

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Amor


quero deixar em nome da luz,
o nome das pessoas que sofrem,
que choram,
que estao sobre um catre de dor,
que tem familiares dificeis,
que estao em uma UTI no hospital,
que nao tem um lar,
que nao tem uma familia,
que estao passando por problemas variados,
e faltam aquela palavra amiga.
PELOS SUICIDAS,
PELOS EGOISTAS,
PELOS ORGULHOSOS,
´POR NÓS MESMOS SENHOR,

E POR TODOS que nesse momento, nao conseguem enxergar o amor do PAI por eles.

quinta-feira, 13 de maio de 2010

Frases de Kardec

A nossa felicidade será naturalmente proporcional em relação à felicidade que fizermos para os outrosOs espíritos protetores nos ajudam com os seus conselhos, através da voz da consciência, que fazem falar em nosso íntimo - mas como nem sempre lhes damos a necessária importância, oferecem-nos outros mais diretos, servindo-se das pessoas que nos cercam.
Allan Kardec
O homem é assim o árbitro constante de sua própria sorte. Ele pode aliviar o seu suplício ou prolongá-lo indefinidamente. Sua felicidade ou sua desgraça dependem da sua vontade de fazer o bem.
Allan Kardec
"Todo efeito tem uma causa. Todo efeito inteligente tem uma causa inteligente. O poder da causa inteligente está na razão da grandeza do efeito."
Allan Kardec
Nascer, morrer, renascer ainda e progredir sempre, tal é a lei.
Allan Kardec
A felicidade depende das qualidades próprias do indivíduo
e não do estado material do meio em que se acha.
Allan Kardec
Fé inabalável só o é a que pode encarar frente a frente a razão, em todas as épocas da Humanidade.
Allan Kardec
O fardo é proporcional às forças, como a recompensa será proporcional à resignação e à coragem.
Allan Kardec
Fora da caridade não há salvação
Allan Kardec
Um dia sem rir é um dia desperdiçado. Cada segundo é tempo para mudar tudo para sempre.
Saudade é solidão acompanhada,
É quando o amor ainda não foi embora,
Mas o amado já...

Saudade é amar um passado
Que ainda não passou,
É recusar um presente que nos machuca,
É não ver o futuro que nos convida...

Saudade é sentir que existe
O que não existe mais...

Saudade é o inferno dos que perderam,
É a dor dos que ficaram para trás,
É o gosto de morte na boca dos que continuam...

Só uma pessoa no mundo deseja sentir saudade:
Aquela que nunca amou.

E esse é o maior dos sofrimentos:
Não ter por quem sentir saudades,
Passar pela vida e não viver.

O maior dos sofrimentos é nunca ter sofrido

quarta-feira, 12 de maio de 2010

Biografia ALLAN KARDEC

ALLAN KARDEC

.

Allan Kardec nasceu a 3 de outubro de 1804 em Lion, França, filho de Jean Baptiste-Antoine Rivail, juiz, e Jeanne Duhamel, sua esposa. O Codificador do Espiritismo recebeu o nome de Hipolite-Léon Denizard Rivail e só mais tarde, após saber que numa vida anterior, entre os druidas, havia se chamado Allan Kardec, ele adotou esse pseudônimo ao assinar “O Livro dos Espíritos”, visando dar um cunho impessoal à Doutrina dos Espíritos.

O menino Rivail fez os estudos primários em Lion e completou seus estudos em Yverdun, na Suíça, com o célebre Professor Pestalozzi, de quem se tornou um dos mais eminentes discípulos. Por diversas vezes substituiu Pestalozzi na direção do Instituto de Yverdun.

Ao completar os estudos era bacharel em Letras e Ciências. Linguista, falava corretamente o alemão, inglês, italiano, espanhol e conhecia bem o holandês. Isento do serviço militar, fundou em Paris, à rua Sèvres, nº 35, uma escola semelhante à de Yverdun.

Casou-se com a professora Amélie Gabrielle Boudet a 6 de fevereiro de 1832. Encarregou-se da escrita contábil de algumas firmas, fez diversas traduções de obras inglesas e alemãs e ainda escreveu gramáticas, aritméticas e livros para estudos pedagógicos superiores. Preparou os cursos de Levy-Àlvares, para alunos de ambos os sexos. Organizou em sua própria casa, à rua Sèvres, cursos gratuitos de química, física, astronomia e anatomia comparada, que funcionaram nos anos 1835-1840.

Foi premiado, por concurso, pela Academia Real d’Arras em 1831, ao apresentar a tese “Qual o sistema de estudo mais em harmonia com as necessidades da época?” Entre os seus trabalhos publicados constam “Plano para o melhoramento da instrução pública” (1828); “Manual de exames para obtenção dos diplomas de capacidade” (1846) e “Catecismo gramatical da língua francesa” (1848).

Rivail foi professor do Liceu Polimático em 1849 e seguiu sempre publicando obras de valor didático-pedagógico. Em 1854 ouviu falar dos fenômenos que mais tarde classificaria de mediúnicos ou “espíritas”. Após estudar profundamente os ditados mediúnicos e comprovar a natureza espiritual deles, publicou “O Livro dos Espíritos” (1857), resultado da Codificação que fez do ensino dos Espíritos, obtido através de muitos médiuns treinados e residentes em diversas partes do mundo. Depois, vieram outras obras importantíssimas para a Doutrina Espírita, cuja publicação saiu na seguinte ordem:

- O LIVRO DOS MÉDIUNS (1861);

- O EVANGELHO SEGUNDO O ESPIRITISMO (1864);

- O CEU E O INFERNO (1865) e

- A GÊNESE (1868).

Existem outras obras complementares de Allan Kardec que podem ser lidas depois. Estas são as fundamentais, as essenciais para o conhecimento espírita.

.

Texto elaborado pelo Centro Espírita “Caminho de Damasco”

União Municipal Espírita de Garça – Garça – São Paulo

Distribuído pela Comunidade Espírita Joanna de Angelis – Ipatinga – Minas Gerais.

Calendário - Dezembro

DIA 02

1868 – Desencarna, em Paris, o livreiro e editor Didier, membro da Sociedade Espírita de Paris desde sua fundação; responsável pela primeira edição dos livros de Allan Kardec.

1886 – Nasce, no Estado da Bahia, José Florentino Seria, conhecido como José Petitinga. Comerciante, poeta, foi destacado espírita naquele Estado.

1886 – Nasce em Milevsko, Tchecoslováquia, Frederico Figner. Estabeleceu-se como industrial no Brasil e atuou em vários setores da FEB. Pela mediunidade de Chico Xavier ditou, do além, a obra "Voltei", usando o pseudônimo de Irmão Jacob.

DIA 04

1935 – Data do desencarne do criador da metapsíquica, Charles Richet.

DIA 05

1934 – Desencarna, no Rio, Humberto de Campos, escritor, deputado estadual, membro da Academia Brasileira de Letras (1920). Ditou diversas obras espíritas através do médium Chico Xavier, algumas com pseudônimo "Irmão X".

DIA 07

1953 – A polícia invade a sede da Federação Espírita Portuguesa, em Lisboa; confisca todos os bens e destrói a biblioteca, com 12.000 volumes.

DIA 10

1835 – Nasce, em Sevilha, na Espanha, Amalia Domingo Soler. Fundou o jornal "La Luz del Porvenir". Escreveu "Reencarnação e Vida", "Perdoa-me" e "Memórias do Padre Germano".

1874 – Data do nascimento de um dos maiores tribunos espíritas: Manuel Vianna de Carvalho.

1911 – Inaugurada, no Rio de Janeiro, a sede própria da FEB, por Leopoldo Cirne.

1944 – É fundada a Cruzada dos Militares Espíritas, divulgadora da Doutrina dentro das corporações militares.

DIA 11

1761 – Data de nascimento de Joanna Angélica, em Salvador, Estado da Bahia. São bastante conhecidas suas obras trazidas através da mediunidade de Divaldo Pereira Franco, sob o nome de Joanna de Angelis.

1847 – A família Fox transfere-se para Hydesville, passando a morar na casa que seria palco dos memoráveis fenômenos de efeitos físicos.

1855 – Allan Kardec recebe a revelação mediúnica de que Zéfiro era seu espírito protetor.

DIA 15

1859 – Nasce Lázaro Luiz Zamenhof, o criador do Esperanto.

DIA 16

1945 – Fundada a Sociedade Espírita Santo Agostinho, por Jésus Gonçalves, no Hospital-Colônia para hansenianos de Pirapitingui.

DIA 18

1903 – Data do desencarne de Augusto Elias da Silva, fundador da revista Reformador e um dos fundadores da FEB.

DIA 19

1998 – Dia do Movimento Você e a Paz, em Salvador/Ba. idealizado pelo médium Divaldo Pereira Franco.

DIA 24

1872 – Data de nascimento do esperantista Francisco Waldomiro Lorenz.

1900 – Data do nascimento de Yvonne do Amaral Pereira em Rio das Flores - RJ.

DIA 25

0000 – O mundo rende graças pelo nascimento de Jesus Cristo.

1893 – Nasce na Província de Sagre, Itália, Francisco Spinelli. Veio para o Brasil com 18 anos, trabalhando como alfaiate, depois como advogado. Convertido ao Espiritismo, tornou-se um de seus líderes.

1915 – É fundada a Federação Espírita do Estado da Bahia.

Calendário - Novembro

DIA 01

1918 – Desencarna em Sacramento - MG, Eurípedes Barsanulfo, cristão autêntico, espírita ativo, médium e fundador do Colégio Allan Kardec. Cognominado Apóstolo do Triângulo Mineiro.

DIA 03

1990 – Realiza-se na Bélgica o Congresso Mundial de Espiritismo.

DIA 04

1910 – Nascimento de Carlos Torres Pastorino.

DIA 05

1839 – Nasce em Lincolnshire - Inglaterra, Stainton Moses, reverendo protestante. Médium poderoso, voltou-se para o Espiritismo, tendo deixado a obra "Ensinos Espiritualistas". Foi o 1° presidente da London Spiritualist Alliance.

1930 – É fundada a Federação Espírita Sergipana.

DIA 06

1835 – Nasce em Verona - Itália, César Lombroso, criminalista. Foi pesquisador e escritor espírita, em experiências com a médium Eusápia Paladino.

DIA 07

1913 – Desencarna, na Inglaterra, o cientista e pesquisador espírita Alfred Russel Wallace.

DIA 08

1834 – Nasce em Berlim - Alemanha, Johann Karl Friedrich Zöllner, pesquisador espírita.

1908 – Desencarna, em Paris, o médium e escritor espírita Victorien Sardou.

DIA 09

1801 – Nasce, em Glasgow, Escócia, o político, jornalista e escritor espírita Robert Dale Owen.

DIA 10

1835 – Nasce em Sevilha - Espanha, Amália Domingos Soler, vulto de grande destaque no Espiritismo daquelas terras.

1923 – Data do nascimento do médium João Nunes Maia.

DIA 14

1849 – As irmãs Fox realizaram as primeiras demonstrações públicas de suas faculdades mediúnicas no Corinthian Hall, em Rochester.

1876 – Nasce na Bahia, Manoel Philomeno de Miranda. Espírita de projeção, permanece atuando no movimento através da mediunidade de Divaldo Franco, tendo já ditado várias obras.

DIA 15

1939 – Tem início o 1° Congresso Brasileiro de Jornalistas Espíritas, no Rio de Janeiros.

DIA 20

1858 – Nasce, na Suécia, Selma Lagerlöf, escritora e contista, Nobel de Literatura em 1909.

1919 – Desencarna no Rio de Janeiro o Marechal Francisco Raimundo Ewerton Quadros. Foi o primeiro presidente de Federação Espírita Brasileira.

DIA 23

1795 – Nasce, em Thiais, Val-de-Marne, França, Amélie-Gabrielle Boudet, educadora e escritora. Casou-se com o Professor Rivail (Allan Kardec), dia 06/02/1832.

1904 – Descoberto, nos escombros de uma adega, em Hydesville, o esqueleto do mascate ali assassinado, comprovando-se as informações das irmãs Fox.

DIA 24

1983 – Desencarna, em S. Paulo, o escritor espírita Eliseu Rigonatti.

DIA 29

1982 – Data do desencarne de Edgard Armond, ligado à Federação Espírita do Estado de São Paulo.

Calendário - Outubro

DIA 01

1923 - Fundada em Buenos Aires, Argentina, a revista La Idea.

1946 - Desencarnação de Meimei.

1995 - Realizado em Brasília (DF), o 1º Congresso Espírita Mundial,com a participação de 34 países: África do Sul, Angola, Argentina, Bélgica, Bolívia, Brasil, Canadá, Chile, Colômbia, Cuba, Equador, Espanha, EUA, França, Guatemala, Holanda, Honduras, Inglaterra, Itália, Japão, México, Nicarágua, Noruega, Panamá, Paraguai, Peru, Porto Rico, Portugal, República Dominicana, Suécia, Suíça, Trinidade e Tobago, Uruguai e Venezuela.

DIA 02

1860 – Data de nascimento, na Espanha, de Angel Aguarod, fundador e presidente da Federação Espírita do Rio Grande do Sul, presidindo-a até 1927. Como espírita atuou em seu país natal, bem como na Argentina, Paraguai e Brasil, onde passou a residir em Porto Alegre.

1919 – Data de nascimento do médium e escritor espírita, Rafael Américo Raniere. Foi autor de vários livros sobre suas observações.

1998 – Data da abertura do Congresso Espírita Mundial, realizado em Portugal.

DIA 03

1804 – Nasce em Lyon, França, o professor Denizard Hippolyte Léon Rivail, codificador da doutrina espírita. Autor de inúmeros livros de cultura, tradutor em várias línguas, membro de diversas Academias e Sociedades Culturais; mais tarde , adotando o pseudônimo de Allan Kardec, o Codificador do Espiritismo.

1947 – Data de abertura do 1o. Congresso Espírita Pan-Americano, realizado em Buenos Aires, Argentina.

DIA 05

1916 - Desencarna em São Francisco do Sul, Santa Catarina, Joaquim Antônio de S. Thiago, parlamentar, professor e pioneiro espírita naquele estado.

1949 – É assinado, em 1949, na FEB, Rio de Janeiro, o Pacto Áureo, objetivando o fortalecimento e a união dos espíritas. Fruto de inúmeras viagens de sua comissão organizadora. Criando o Conselho Federativo Espírita, como órgão de Unificação do Espiritismo no Brasil. Na atualidade já existe um movimento nacional pela criação da Confederação Espírita Brasileira.

DIA 07

1955 - Desencarna em Porto Alegre, RS, Francisco Spinelli. Desenvolveu, na capital gaúcha, grandes serviços à doutrina espírita, tendo sido presidente da Federação Espírita do Rio Grande do Sul. Tomou parte ativa nos trabalhos que promoveram o Pacto Áureo de Unificação Espírita no Brasil.

DIA 09

1861 – É realizado o Auto-de-Fé, em Barcelona, Espanha, ato inquisitorial da Igreja que queimou, em praça pública, cerca de 300 volumes de obras espíritas, enviadas por Allan Kardec ao seu amigo Maurice Lachâtre, livreiro. Este episódio ficou conhecido como o Auto da Fé de Barcelona.

1900 – Nasce em Recife Djalma Montenegro de Farias, em 1900. Foi jornalista, orador e presidente da Federação Espírita Pernambucana.

DIA 10

1865 – Data do desencarne de Francisco Leite Bittencourt Sampaio, médium e escritor. Foi Notável médium receitista.

DIA 11

1966 – Data do desencarne de Pedro de Camargo, mais conhecido como Vinícius. A FEB publica livros de sua autoria, entre outros: "Na Seara do Mestre" e "Nas Pegadas do Mestre". Como escritor voltou-se, de forma especial, para a tarefa de evangelização.

DIA 12

1906 - Nasce em Belém, Pará, América Delgado, médium espírita conhecida pelas mensagens poéticas.

1985 - Realizado em Buenos Aires, Argentina, o 1º Congresso de Periodistas e Escritores Espíritas.

DIA 13

1926 – Desencarna o major Manuel Viana de Carvalho, um dos maiores tribunos espíritas brasileiros. Destacou-se também como o ardoroso defensor da unificação dos centros espíritas, emprestando colaboração valiosa na orientação doutrinária de várias sociedades.

DIA 17

1841 – Nasce na capital do Maranhão, o marechal Francisco Raimundo Ewerton Quadros. Engenheiro, grande propagandista do espiritismo, exerceu também a mediunidade. Foi o primeiro presidente da Federação Espírita Brasileira.

1949 - Frederico Chopin, deixa o corpo físico, ele que como músico possuía também os dotes medianímicos, via Espíritos, ouvia as magnificantes harmonias siderais e cântico extasiante entoado pelas almas resplendentes de luz.

DIA 18

1921 - Nasce na cidade mineira de Congonhas do Campo, José Pedro de Freitas, apelidado de Zé Arigó. Tornou-se conhecido internacionalmente, através de seus recursos mediúnicos, servindo de instrumento ao espírito Dr, Albert Fritz, a partir da segunda metade da década de 50.

DIA 19

1909 – Desencarna na Itália, César Lombroso, criminalista e observador espírita.

DIA 20

1950 – É fundada em Teresina a Federação Espírita do Piauí.

DIA 22

1922 – Nascimento de Meimei.

DIA 23

1918 – Desencarna Pedro Richard, um dos fundadores do Grupo Ismael.

DIA 24

1944 – Desencarna Adelaide Augusta Câmara, conhecida pelo pseudônimo de Aura Celeste, médium de largos recursos e personagem de destaque no espiritismo nacional. Dedicou-se às crianças órfãos e à velhice.

DIA 25

1837 - Nasce em Florianópolis, Santa Catarina, Joaquim Antônio de S. Thiago, divulgador do espiritismo de forma pioneira naquele estado.

1886 - Nascimento de Humberto de Campos.

DIA 26

1943 – Data do desencarne de Luiz Olímpio Guillon Ribeiro, tradutor das obras de Kardec e de Roustaing. Foi presidente da FEB.

DIA 27

1937 – Numa ação arbitrária da policia, sem qualquer justificativa, a FEB é fechada por um período de 3 dias.

DIA 29

1999 - Fundada em Brasília, em 1999, a ABRAME - Associação Brasileira dos Magistrados Espíritas.

DIA 31

1948 - Realiza-se em São Paulo, o Congresso Brasileiro de Unificação Espírita.

1949 - Tem início a Caravana da Fraternidade. Partiu do Rio de Janeiro com destino ao Norte e Nordeste, visando criar órgãos federativos estaduais.

Calendário - Setembro

DIA 02

1914 – Data do desencarne de Albert de Rochas D'Aiglun, pesquisador francês de fenômenos mediúnicos e magnetizador. A Federação Espírita Brasileira publica o seu livro “A Levitação”.

DIA 03

1951 – É fundada nesta data a Federação Espírita de Goiás.

DIA 04

1977 – Em Haia, Holanda, abertura do 4o. Congresso Espírita Internacional.

1991 – Desencarna o médium psicógrafo João Nunes Maia.

DIA 05

1890 – Desencarna Lea Fox, uma das médiuns envolvidas nos fenômenos de Hydesville, ocorrido em 1848, na América do Norte.

1892 – Em Londres, Inglaterra, desencarna o escritor Espírita William Stainton Moses.

DIA 06

1853 – Na ilha Jérsei, França, Victor Hugo assiste pela primeira vez a sessões de mesas girantes, por sugestão de Delphine de Girardin.

1881 – Realiza-se o 1o Congresso Espírita do Brasil, visando reunir e orientar as entidades então existentes.

1881 – Nessa data o Imperador Dom Pedro II recebe uma comissão de espíritas no Rio de Janeiro que lhe entrega um documento narrando as perseguições sofridas e pedindo justiça.

DIA 07

1947 – Divaldo Pereira Franco funda o Centro Espírita Caminho da Redenção em Salvador, Bahia.

DIA 08

1886 – Realiza-se em Barcelona, o 1o. Congresso Espírita Internacional.

DIA 09

1848 – Em Salvador - BA, sob orientação do Espírito Auta de Souza, o médium Divaldo Pereira Franco inicia a Caravana Auta de Souza, no Centro Espírita Caminho da Redenção, para atendimento a famílias necessitadas, com o auxílio de vários colaboradores.

1853 – Data de nascimento de Pedro Richard em Macaé, Rio de Janeiro. Foi um dos fundadores do Grupo Ismael.

DIA 12

1876 – Nascimento de Auta de Souza.

DIA 13

1909 - A médium Linda Gazerra, realiza a última sessão de figurações telepáticas e corporificações luminosas, em Turim (Itália), na residência da Princesa Rispoli, sob a investigação científica do Dr. Enrique Imoda.

1988 - Em Araraquara - SP, desencarna Wallace Leal V Rodrigues, escritor e jornalista espírita.

DIA 14

1879 - Nasce na Rússia, em 1879, o doutor em medicina Pavlov; seu estudo sobre os reflexos salivares-condicionados levou-o ao acontecimento dos processos corticocerebrais implicados nos fenômenos da hipnose.

1938 - Desencarna em Porto Alegre, RS, Israel Corrêa da Silva. Foi presidente da Federação Espírita do Rio Grande Do Sul.

DIA 15

1879 - Nasce no Rio de Janeiro, a profa. Júlia Pêgo de Amorim, que além de diretora de escola de música, sozinha aprendeu o Braille. Fundou a “Sociedade Amigos dos Cegos” e a “Instituição das Cegas Hellen Keller”, sendo uma baluarte da Sociedade Pró-livro Espírita em Braille - SPLEB.

DIA 17

1839 – Basce em Buffalo, EUA, Ira Erastus Davenport, um dos conhecidos irmãos Davenport, notáveis médiuns de efeitos físicos, notabilizados pelas sessões públicas que promoveram.

1865 – É fundado o primeiro Centro Espírita do Brasil, em Salvador, Bahia, denominado "Grupo Familiar de Espiritismo", por Luiz Olímpio Teles de Menezes.

DIA 18

1971 – Data de desencarne de Hubert Forestier. Foi diretor da Revista Espírita e da Sociedade Espírita de Paris, ambos fundados por Kardec.

DIA 22

1868 – Data de nascimento de Cairbar Schutel, médium, escritor e divulgador da doutrina espírita. Considerado o “Pai da Pobreza” de Matão. Tendo desencarnado em Matão-SP, em 30/01/1938. Convertido ao Espiritismo, após observação prática e estudos doutrinários. Fundou em 1904 o Centro Espírita “Amantes da Pobreza” e em 1905 o jornal “O Clarim”. Em 1925, lançou a Revista Internacional do Espiritismo. Escreveu 17 livros espíritas. Foi pioneiro na divulgação da Doutrina pelo rádio.

DIA 23

1939 – Desencarnação de Sigmund Freud.

DIA 24

1963 – Em Marília - SP, desencarna Eurípedes Soares da Rocha, um dos fundadores do Hospital Espírita de Marília.

DIA 25

1914 – Nasce na Província de Avaré, São Paulo, em 1914, o Professor José Herculano Pires, filósofo, parapsicólogo, escritor, jornalista e conferencista espírita. Mais de 70 obras editadas, fundador do “Clube dos Jornalistas Espíritas”. Destaca-se a tradução dos livros de Kardec feita por Herculano.

1926 – O Dr. Dias da Cruz preside o 1o. Congresso Brasileiro de Homeopatia.

DIA 26

1182 – Nascimento de Francisco de Assis.

1943 – Data do desencarne do Dr. Guillon Ribeiro, ex-presidente da Federação Espírita Brasileira, tradutor das obras de Kardec e de Roustaing.

DIA 27

1847 - Nasce na Argentina, Cosme Mariño, cognominado o Kardec argentino.

1968 - Desencarna em São Paulo o presidente do Rotary Club de São Paulo: Jorge Saraiva; foi em suas oficinas que se imprimiu o 1º livro de bolso Espírita do mundo: - “O Ideal Espírita”, psicografia de Chico Xavier e Waldo Vieira, e também o 1º livro do espiritismo do Brasil, a ser vertido para o francês.

DIA 28

1971 - Desencarna em São Paulo, o professor Júlio Abreu Filho, jornalista e tradutor da “Revue Espirite”, francesa, para o português; foi membro da diretoria da União Federativa Paulista; participou, ativamente, da fundação da União das Sociedades Espíritas realizada em São Paulo, é o autor dos livros: “Erros Doutrinários” e “Poeira da Estrada”.

DIA 29

1904 - Desencarna em Paris, Marina Leymarie, esposa de Pierre Gaëtan Leymarie. Sucedeu o esposo, após sua desencarnação, na direção da Livraria Espírita e da Revue Spirite.

DIA 30

1891 – Nasce em Cepa Forte, BA, Leopoldo Machado Barbosa, grande propagandista espírita. Participou dos trabalhos de unificação do Espiritismo brasileiro.

1937 – Data de desencarne do Dr. Dias da Cruz com 84 anos, médico homeopata, presidente da Federação Espírita Brasileira.

Calendário - Agosto

DIA 01

1787 – Desencarna Afonso de Liguori, um dos expoentes que colaboraram na codificação do Espiritismo.

1865 – Aparece a 1a. Edição de “O Céu e o Inferno” de Allan Kardec em Paris - França.

1873 - Desencarna em Londres David Bedlbroof. Foi Presidente da Federação Espírita Internacional.

DIA 02

1873 – No Rio de Janeiro - RJ, é fundado o Grupo Confúcius, na residência de Francisco Siqueira Dias Sobrinho, tendo, entre os participantes, Bittencourt Sampaio. Foia primeira entidade jurídica do espiritismo no Brasil.

1888 – Em Nova Friburgo - RJ, é fundado o Centro Espírita João Baptista.

DIA 03

1889 – Em Nova York, EUA, desencarna a médium e escritora Emma Hardinge Britten, nascida em Londres, Inglaterra, em 14/06/1829.

1895 – Dr. Bezerra de Menezes assume a presidência da Federação Espírita Brasileira.

DIA 04

1792 – Nasce Edward Irving, na Escócia.

1859 – Desencarna João Maria Vianney, um dos expoentes que colaboraram na codificação do Espiritismo.

1901 – Nasce em Porto Alegre Roberto Pedro Michelena, um dos signatários do Pacto Áureo.

1969 – Em Niterói - RJ, desencarna Carlos Imbassahy, escritor, jornalista e conferencista espírita, nascido em Salvador, Bahia, em 09/09/1883.

DIA 05

1865 – Nasce Marcolino José Monteiro, na cidade da Lapa/PR. Foi presidente da Federação Espírita do Paraná.

1951 – Fundação da União Espírita Cearense, em Fortaleza, CE; sendo seu primeiro presidente José Borges dos Santos.

DIA 06

1651 – Nasce François de Salignac de la Mothe, Fénelon, um dos expoentes que colaboraram na codificação do Espiritismo.

1927 – Em São Carlos, SP, nasce o trabalhador espírita Lourival Perri Chefaly, médico cancerologista; desencarnou no Rio de Janeiro, RJ, em 20/02/1976.

DIA 07

1941 – Em Baldur, Bengala, Índia, desencarna Rabindranath Tagore, filósofo espiritualista e poeta, Prêmio Nobel de Literatura em 1913 nascido em Calcutá, índia, em 1861.

1969 – Em 1969 desencarna Francisco Spinelli, em Porto Alegre /RS. Foi presidente da Federação Espírita do Rio Grande do Sul.

DIA 08

1946 – Em São Paulo, SP, fundação da Instituição Beneficente Nosso Lar.

1962 – Em Cascavel - PR, é fundada a Sociedade Espírita Amor e Caridade.

1989 – O médium Divaldo Franco psicografa mensagem de Joanna de Ângelis, em inglês especular (invertido), em St. Petersburg, EUA.

DIA 09

1969 - Desencarna o advogado Carlos Imbassahy, em Niterói, com 86 anos. Ele que era conferencista, escritor e doutrinador espírita, teve sua vida contada também no livro “Memórias Pitorescas do Meu Pai” publicado pelo seu filho, Carlos de Brito Imbassahy.

1969 - Desencarna em Montevidéu, Uruguai, Aurora A. de Los Santos de Silveira, nascida na mesma cidade, em 28/08/1890. Foi pioneira do espiritismo naquele país.

DIA 10

1946 – É fundada a União Espírita Carlos Chagas, cuja sede própria está na Rua N.S. das Graças, 364 – Ramos, RJ.

DIA 11

1826 – Data do nascimento de Andrew Jackson Davis, famoso médium norte-americano.

DIA 12

1789 – A Assembléia Francesa decreta a liberdade de crenças.

1912 – Nasce Corina Novelino, em Delfinópolis/MG.

DIA 13

1996 – Em São Paulo, abertura da XIV Bienal Internacional do Livro.

DIA 14

1930 - Abertura do Primeiro Congresso Espírita da Bélgica, com o patrocínio da Union Spirite Belge, tendo à frente M. L. Home.

1990 - Em São Paulo, SP, desencarna o escritor, jornalista e conferencista Valentim Lorenzetti, um dos fundadores do "Centro de Valorização da Vida", nascido em Ribeirão Preto, SP, em 17/02/1938.

DIA 15

1905 – Em Matão - SP, é fundada por Caírbar Schutel a Editora "O Clarim" o no mesmo dia começa a circular o jornal "O Clarim".

1952 – Em Salvador - BA, é fundada pelo médium Divaldo e colaboradores a Mansão do Caminho, para atendimento de crianças órfãs e carentes, atendendo atualmente 3.000 crianças e jovens.

DIA 16

1886 – Dr. Bezerra de Menezes torna-se adepto do Espiritismo e se filia à FEB, sob a presidência de Ewerton Quadros.

DIA 17

1885 – No Rio de Janeiro - RJ, numa sala da Rua da Alfândega, a FEB inaugura suas conferências públicas, tendo à frente Elias Bittencourt Sampaio e outros pioneiros do Espiritismo.

1940 – Data do desencarne do pesquisador dos fenômenos mediúnicos, Sir Joseph Oliver Lodge.

DIA 18

1863 - É lançada uma ordenação pelo Clero, interditando toda e qualquer prática espírita na diocese de Argel, então França.

1886 – Data do nascimento de Pietro Ubaldi, em Foligno, Itália. Sua extensa obra é publicada no Brasil pela IPU – Instituto Pietro Ubaldi.

1887 – Em 1887 nasce Flávio Ferreira da Luz, em Curitiba/PR, um dos presidentes da Federação Espírita do Paraná.

1927 – Desencarna Cosme Mariño. Pelo seu trabalho foi cognominado de "Kardec Argentino".

DIA 19

1662 - Desencarna Blaise Pascal, um dos expoentes que colaboraram na codificação do Espiritismo.

1936 - Na Rádio Cultura de Araraquara - SP, Caírbar Schutel inicia o Primeiro Programa Radiofônico Espírita do Brasil.

DIA 22

1926 – Em Salvador - BA, desencarna a escritora Amélia Rodrigues; nascida em Santo Amaro - BA, em 26/05/1861.

1940 – Em Wiltshire, Inglaterra, desencarna o físico cientista Joseph Oliver Lodge, pesquisador dos fenômenos mediúnicos; nascido em Staffordshire, Inglaterra, em 1851.

1957 – Desencarna, em Nova Iguaçu - RJ, Leopoldo Machado Barbosa, grande propagandista do Espiritismo em todo o Brasil.

DIA 23

1892 – No Rio de Janeiro, RJ, desencarna o Marechal Manuel Deodoro da Fonseca, político e militar, que combateu na Guerra do Paraguai, tendo sido o primeiro Presidente constitucional do Brasil, nascido em Alagoas em 05/08/1827.

DIA 24

1871 – Luís Olímpio Telles de Menezes assina célebre memorial juntamente com mais 30 pessoas, pedindo registro da "Sociedade Espírita Brasileira".

1902 – Em Curitiba - PR, é fundada a Federação Espírita do Paraná, tendo como primeiro presidente João Urbano de Assis Rocha.

DIA 25

1270 – Desencarna Luiz IX, um dos expoentes que colaboraram na codificação do Espiritismo.

1850 – Nasce Charles Richet em Paris, França.

DIA 26

1860 - Nasce em Roma, Itália, a médium Linda Gazerra.

1910 - Desencarna William James.

1969 - Retorna à pátria espiritual a médium Olímpia Gomes de Souza Belém, que psicografou dois romances mediúnicos de títulos: “Jerusa” e “Dolora”. Em 18/01/37 funda uma obra assistencial de amparo à menina órfã e também o Centro Espírita “Discípulo de Jesus”.

DIA 27

1959 - Salvador - BA, desencarna a poetisa espírita Maria Dolores; nascida em Bonfim de Feira - BA, em 1900.

1967 - Em Cascavel - PR, fundação da Sociedade Espírita Irmandade de Jesus.

DIA 28

430 - Desencarna Santo Agostinho, um dos expoentes que colaboraram na codificação do Espiritismo.

1881 - É oficializada a perseguição ao espiritismo, com a publicação, através da Imprensa, de ordem policial proibindo o funcionamento das sociedades espíritas.

1882 - Realizada a primeira exposição espírita do Brasil com mostra de vários trabalhos mediúnicos e material doutrinário em geral.

1890 - Nasce em Montevidéu, Uruguai, Aurora A. de Los Santos de Silveira. Foi a pioneira do espiritismo no Uruguai.

1900 - Em Sacramento, MG, fundação do Centro Espírita Luz e Amor, tendo como fundador e primeiro presidente Mariano da Cunha Júnior, amigo de Eurípedes Barsanulfo.

1912 - Nasce Urbano de Assis Xavier.

DIA 29

1831 – Nasce, na Freguesia do Riacho do Sangue, hoje Solonópole (CE), Adolfo Bezerra de Menezes Cavalcanti, médico, deputado, Presidente da FEB, considerado apóstolo da caridade.

1850 – Data de nascimento de Aristides de Souza Spínola; foi presidente da Federação Espírita Brasileira.

DIA 30

1914 – Desencarna Frederico Pereira da Silva Junior, médium da FEB. Espírita e médium notável, teve grande participação nos trabalhos do Grupo Ismael, da FEB, recebendo comunicações de espíritas elevados, entre os quais Allan Kardec.

DIA 31

1926 - Fundada em Lisboa, Portugal, a Federação Espírita Portuguesa.

1948 - Em São Paulo - SP, realiza-se o Congresso Brasileiro de Unificação.

Calendário - Julho

DIA 01

1898 – Em São Paulo - SP, sai o primeiro número da Revista de Estudos Psíquicos da Sociedade de Estudos Psíquicos.

1969 – Em Salvador - BA, começa a circular o "Eco d'Além Túmulo", o primeiro jornal espírita do Brasil, criado por Luiz Olímpio Tolos de Menezes.

DIA 02

1843 – Desencarna em Paris o criador da Homeopatia Samuel Frederico C. Hahenemann.

DIA 03

1990 – No Rio de Janeiro - RJ, desencarna Júlio Lopes Trindade, que foi diretor do Instituto de Cultura Espírita do Brasil, nascido em Rebordosa, Portugal.

DIA 04

1336 – Em Estremoz, Portugal, desencarna a Rainha Isabel, conhecida por sua dedicação à caridade.

1814 – Nasce, no México, Refúgio I. Gonzáles, tradutor das obras de Allan Kardec para o espanhol.

1948 – Data do desencarne de Monteiro Lobato.

DIA 05

1849 – Em Embleton, Inglaterra, nasce o jornalista, editor e médium William Thomas Stead. Desencarnou em 15/04/1912 no acidente do transatlântico Titanic, no Atlântico Norte.

1986 – Fundada a Sociedade Espírita O Semeador - Cascavel - PR.

DIA 06

1881 – Julio Cesar leal cria, em Recife, o jornal espírita "A Cruz", o primeiro daquela capital, tornando-se, mais tarde, presidente da FEB.

1932 – Aparece a primeira edição do livro “Parnaso de Além Túmulo”, pela mediunidade de Chico Xavier, reunindo poetas luso-brasileiros, a atestar a sobrevivência da alma.

DIA 07

1930 – Em Crowborough, Sussex, Inglaterra, desencarna o escritor espírita Arthur Conan Doyle, criador do personagem Sherlock Holmes, e Presidente Honorário da Federação Espírita Internacional. Ele escreveu “A História do Espiritismo”.

DIA 08

1834 - Desencarna no Rio de Janeiro o médico que introduziu a Homeopatia no Brasil, Dr. João Vicente Martins. Ele realizava trabalhos mediúnicos antes mesmo da codificação espírita.

1927 - Chico Xavier participa de sua primeira reunião espírita, tendo nessa ocasião psicografado a primeira mensagem.

1938 - A revista norte-americana "The Two Worlds" publica mensagem de Caírbar Schutel, através da médium inglesa Mary Wood, com recado fraterno ao seu amigo português Frederico Duarte.

DIA 09

1918 – Desencarna na Itália a famosa médium Eusápia Paladino. Foi médium de efeitos especiais e se submeteu a inúmeros testes de investigação.

1925 – Data do desencarne de Aristides de Souza Spínola, político e trabalhador espírita, que ocupou a presidência da Federação Espírita Brasileira.

DIA 10

1857 - Nasce na Inglaterra, William Egliton, conhecido médium de efeitos físicos.

DIA 12

1891 – Data do nascimento, em Minas Gerais, do esperantista Ismael Gomes Braga.

1902 – Data de nascimento de Jésus Gonçalves. Hanseniano, internado na colônia de Pirapitingui, dirigiu um Centro Espírita naquele local. Segundo as revelações mediúnicas, teria sido o chefe bárbaro Alarico, rei dos visigodos, em existência pregressa.

1936 – É fundada nesta data a Federação Espírita do Estado de São Paulo.

DIA 14

1924 – Desencarna Gustav Geley mediante desastre de avião em Varsóvia - Polônia. Estudioso da fenomenologia espírita, fundador do Instituto Metapsíquico Internacional, em Paris; nascido em Monceau, Les Mines, França, em 13/04/1868.

1942 – Em Salvador - BA, desencarna Manoel Philomeno de Miranda, nascido em Conde - BA, em 14/11/1876. Foi presidente da Federação Espírita do Estado da Bahia.

DIA 15

1876 – Na Inglaterra é realizada uma reunião de efeitos físicos, com o médium Slade, em plena luz do dia, quando um espírito se materializa à vista de todos os presentes.

1880 – É fundado o Grupo Ismael, no Rio de Janeiro.

DIA 16

1193 – Em Assis, Itália, nasce Clara, religiosa do tempo de Francisco de Assis, tempo em que viveu também Joanna de Ângelis, Guia Espiritual do médium Divaldo Franco.

DIA 17

1919 – Data do desencarne de William Crookes, físico de renome internacional, descobridor da energia radiante, tornou-se espírita ao estudar os fenômenos de materialização do espírito Katie King.

DIA 18

1948 – No Rio de Janeiro é instalado o primeiro Congresso de Mocidades Espíritas do Brasil, no Teatro João Caetano, tendo à frente Leopoldo Machado, Lins de Vasconcelos e Ruth Sant'Anna, entre outros.

DIA 19

1925 – É fundado do Rio de Janeiro o Grupo Espírita Vicente de Paulo, hoje, com sede própria na Rua Nossa Senhora das Graças, 364 no bairro de Ramos.

DIA 20

1918 – Em Boston, EUA, desencarna a médium Elizabeth d'Espérance; nascida em Edimburgo, Escócia, em 13/05/1849.

DIA 21

1964 – Data do desencarne de Porto Carreiro Neto, médium e esperantista.

DIA 24

1968 – Primeira conferência proferida em Cascavel - PR pelo notável tribuno espírita Divaldo Pereira Franco.

DIA 25

1869 – Lançamento do jornal "Echo de Além Túmulo", em Salvador / BA,´por Luis Olympio Telles de Menezes.

1928 – Data de nascimento do médium, orador e escritor espírita Newton Boechat. Escreveu, entre outros, o livro “O Espinho da Insatisfação”.

DIA 26

1825 – Data de nascimento de Luis Olímpio Telles de Menezes, fundador do “Grupo Familiar do Espiritismo”. Nasceu em Salvador - Ba.

1969 – Por solicitação da FEB, o Departamento de Correios e Telégrafos lança um selo comemorativo do 1º Centenário da Imprensa Espírita no Brasil.

DIA 28

1890 – Na Inglaterra acontece a reunião de efeitos físicos, com a médium Elizabeth d'Espérance que materializa um lírio dourado, com 7 pés de altura, estando presentes vários cientistas, entre os quais o prof. Alexandre Aksakof.

DIA 29

1950 – Desencarnação de Leonora Piper.

DIA 30

1930 – Desencarna, em Londres, Inglaterra, o Dr. W. J. Crawford, pesquisador dos fenômenos mediúnicos.

1943 – Desencarna, no Rio de Janeiro, João Pinto de Souza, criador de programa espíritas radiofônicos, em 1937, no Rio de Janeiro.
1952 – O Marechal do Ar Hugth Dowding, estudioso e divulgador do Espiritismo, solicita ao Parlamento da Inglaterra o reconhecimento do Espiritismo como religião naquele país, no que foi atendido.

DIA 31

1859 – Em Washington, EUA, nasce a médium Leonora E. Pipper; desencarnou nos EUA em 30/07/1950.

Calendário - Junho

DIA 03

1925 – Data do desencarne de Camille Flammarion, astrônomo famoso em sua época, espírita, colaborador de Kardec, tendo pronunciado emocionante discurso fúnebre junto à tumba do Mestre. A Federação Espírita Brasileira publica algumas de suas obras, entre as quais, Deus na Natureza.

DIA 05

1849 – Data de nascimento de William Thomas Stead, médium psicógrafo e célebre publicista inglês.

1947 – Data de fundação da USE – União das Sociedades Espíritas do Estado de São Paulo.

DIA 06

1961 – Desencarnação de Carlos Gustavo Jung.

DIA 07

1974 – Data do desencarne do ex-presidente da Federação Espírita do Rio Grande do Sul, Paulo Hecker.

DIA 08

1978 – Desencarna em Curitiba João Ghignone, Presidente da Federação Espírita do Paraná por mais de 40 anos.

DIA 09

1861 – Data de nascimento de um dos antigos presidentes da Federação Espírita do Rio Grande do Sul, Israel Corrêa da Silva.

DIA 10

1853 – Os Espíritos introduzem o processo da escrita, agilizando as comunicações mediúnicas, até então produzidas mediante sinais.

1854 – É fundado em Nova York o jornal “The Christian Spiritualist”.

1860 – O Espírito de Verdade, através da médium Sra. Schimidt, informa Kardec que ele não permaneceria muito tempo encarnado, apenas o bastante para concluir os trabalhos indispensáveis.

DIA 11

1941 – É fundada a Sociedade de Medicina e Espiritismo do Rio de Janeiro.

DIA 12

1851 – Nasce Sir Oliver Lodge, escritor e pesquisador inglês. Deixou várias obras sobre estudos psíquicos e mediunidade.

1856 – Allan Kardec, por intermédio da médium Aline C., recebe a confirmação do Espírito de Verdade a respeito de sua missão.

DIA 13

1980 – Desencarnação de Carlos Torres Pastorino.

DIA 14

1853 – A imprensa do Rio de Janeiro, pelo Jornal do Comércio, publica, pela primeira vez, notícia sobre as mesas girantes.

1894 – Data de nascimento de Edgard Armond, que exerceu a presidência da Federação Espírita do Estado de São Paulo. Autor de vários livros, entre os quais “Os Exilados da Capela”.

1932 – Desencarna em Turim, Itália, Linda Gazzera, médium famosa pesquisada por vários cientistas, entre os quais Charles Richet e César Lombroso.

DIA 16

1875 – É instaurado o "Processo dos Espíritas" procedimento judicial condenando a prática das chamadas fotografias mediúnicas, sob a alegação de fraude.

1966 –Desencarna Francisco Peixoto Lins, o Peixotinho, extraordinário médium de efeitos físicos, conhecido pela produção das materializações luminosas.

DIA 17

1832 – Nasce, em Londres, William Crookes, físico e químico, um dos mais persistentes e corajosos pesquisadores dos fenômenos espíritas.

1985 – Fundada em Tours a União Espírita Francesa e Francofônica, que tem como objetivo reimplantar o Espiritismo na França e em países de língua francesa.

DIA 19

1974 – Data do desencarne de Pedro Ribeiro. Foi presidente da Federação Espírita do Estado da Bahia.

DIA 21

1886 – Desencarna em Saint-Germain, França, o grande médium Daniel Douglas Home, pesquisado por inúmeros cientistas.

DIA 24

1943 – Data do desencarne de Ernesto Bozzano cientista que pesquisou a fenomenologia espírita. A Federação Espírita Brasileira publica algumas de suas obras, entre as quais, “Animismo ou Espiritismo?”, “A Crise da Morte”, “Pensamento e Vontade”, “Xenoglossia”.

DIA 26

1925 – Desencarna Sir. William Barret, pesquisador espírita.

1943 – Inaugurada a Creche Ramiro de Siqueira, atual Centro de Educação Infantil Ramiro de Siqueira, mantido pela Sociedade Espírita Paz Amor e Luz - Cascavel PR.

DIA 28

1712 – Nascimento de Jean Jacques Rousseau.

DIA 30

1953 – Data de fundação da Sociedade Pró Livro Espírita em Braille.

1956 – Fundação da Sociedade Espírita Paz, Amor e Luz - Primeira casa espírita na cidade de Cascavel - PR.

1996 – Circula a primeira edição do Jornal Universo Espírita, da Sociedade Espírita Paz Amor e Luz, com tiragem de 1000 exemplares; posteriormente transferido para a Sociedade Espírita Joanna de Ângelis. - Cascavel - PR.

2002 – Francisco Cândido Xavier retorna ao plano espiritual e é recebido por Jesus, segundo mensagem de Joanna de Angelis psicografada por Divaldo Pereira Franco.

Calendário - Maio

DIA 01

1864 – O Clero coloca as obras sobre o espiritismo no chamado “Index Librorum Prohibitorum” (índice dos Livros Proibidos).

1880 – Nasce, na cidade de Sacramento - MG, Eurípedes Barsanulfo. Autodidata, lecionava inúmeras disciplinas. Fundou o Colégio Allan Kardec. Médium excepcional, atendia a inúmeros enfermos durante seus desdobramentos.

1911 – É fundado por Ignácio Bittencourt o jornal espírita “Aurora”.

DIA 02

1827 – Nasce Pierre-Gaêtan Leymarie, médium, um dos mais interessados discípulos de Kardec e mais tarde redator-chefe e editor da Revista Espírita.

1980 – Desencarna, em São Paulo, Silvino Canuto Abreu, jornalista, escritor, conferencista e pesquisador espírita.

DIA 03

1892 - Nasce Maria da Cruz Xavier, colaboradora de Eurípedes Barsanulfo.

1949 – Desencarna na Bélgica José Lhome, Presidente da Federação Espírita Belga.

DIA 04

1929 – Desencarna em Londres (Inglaterra) o famoso cientista britânico William Crookes, que realizou sessões de materialização bem documentadas do Espírito Katie King, com a médium Florence Cook. Foi o maior químico da Europa em seu tempo, descobridor do radiômetro o quarto estado da matéria (radiante).

DIA 05

1927 – Nasce, em Feira de Santana - BA, o médium e tribuno espírita Divaldo Pereira Franco. Entre suas obras, criou a Mansão do Caminho, obra assistencial e educativa voltada aos menores, em Salvador. Como psicógrafo, já produziu mais de uma centena de obras que garantem seus programas assistenciais. É o maior tribuno espírita da atualidade.

1964 – É publicado, em 1964, o primeiro livro psicografado por Divaldo Franco, intitulado Messe do Amor, do espírito Joanna de Ângelis.

DIA 06

1939 – É inaugurada, em Tours - França, a Union Spirite Française.

1950 – Desencarna Djalma Montenegro de Farias, jornalista e orador; foi presidente da Federação Espírita Pernambucana.

DIA 07

1856 - Em Paris, Allan Kardec recebe mensagem do Espírito Hahnemann, confirmando sua missão de codificador da nova doutrinas.

1878 - Nasce em Piracicaba - SP Pedro de Camargo, dedicado às tarefas de educação e evangelização espíritas. Autor de vários livros sob o pseudônimo de Vinicius. Dedicou mais de 50 anos à tarefas de educação e evangelização espírita.

1934 – Pelo Decreto-Lei 4.765, a Federação Espírita Brasileira é considerada de utilidade pública.

DIA 08

1852 – Publicado, nos Estados Unidos, o primeiro jornal espiritualista do mundo, o The Spiritual Telegraph, sob o comando de Charles Partridge e do reverendo Dr. S. B. Britan, com várias notícias sobre fenômenos mediúnicos.

DIA 09

1879 – Na Espanha, Amália Domingo Soler assiste pela primeira vez à manifestação do Espírito Padre Germano, seu Guia Espiritual, que lhe estimula a prosseguir na sua grande missão.

1928 – Desencarna um dos fundadores da FEB, Léo Quádrio.

DIA 11

1957 – Em Pedro Leopoldo, MG, o Frei Boaventura Kloppenburg, inimigo declarado do Espiritismo, visita o médium Chico Xavier, sendo recebido com amabilidade.

DIA 13

1849 – Nasce em Edimburgo, Escócia, Elizabeth D’Espérance, grande médium de efeitos físicos. Converteu ao espiritismo inúmeros cientistas que a pesquisaram. Deixou sua autobiografia na obra No País das Sombras. Antônio da Silva Neto, pioneiro do espiritismo no Brasil, publica em 1869 o folheto A Coroa e a Emancipação do Elemento Servil, 19 anos antes Antônio da Silva Neto, num folheto com sugestivo título ”A coroa e a emancipação do elemento servil”, num vibrante libelo apoiado na moral do Cristo e condenando o regime escravista, antecipava a luta que se consagraria com a libertação dos escravos 19 anos depois e quando já Antônio era um dos esforçados espíritas.

1971 – A pintora Tarsila do Amaral declara-se espírita em depoimento no Museu da Imagem e do Som, recebendo de Chico Xavier comunicações do Espírito de seu neto.

DIA 14

1859 – Nascimento de Leonora Piper.

DIA 15

1925 – Realiza-se em Lisboa o 1o. Congresso Espírita Português sob o patrocínio da Federação Espírita Portuguesa.

DIA 16

1918 – Desencarnação de Eusápia Paladino.

DIA 17

1982 – Desencarnação de Humberto Mariotti.

DIA 19

1929 – É fundado o Centro Espírita Terezinha de Jesus, tendo como um dos seus fundadores o Senhor Sebastião Borges, médium receitista.

1973 – É conferido à Francisco Cândido Xavier o título de Cidadão Honorário de São Paulo.

1985 – Em Los Angeles, EUA, desencarna Hemendra Nath Banerjee, que pesquisou vários casos de reencarnação, a qual determinou Memória-Extra-Cerebral.

DIA 20

1857 – Em Paris, França, Allan Kardec envia carta à escritora George Sand, presenteando-a com "O Livro dos Espíritos" e cumprimentando-a pelo trabalho artístico em referência ao homem e sua comunicação com a Espiritualidade.

1877 – Um grupo de dissidentes da Sociedade de Estudos Espíritas Deus, Cristo e Caridade funda a Congregação Espírita Anjo Ismael, no Rio de Janeiro.

DIA 21

1874 – Realizada sessão mediúnica de despedida do espírito Katie King, que durante dois anos, em sessões semanais, materializou-se por intermédio da médium Florence Cook para as pesquisas do sábio Sir William Crookes.

1931 – Desencarna, em Aracaju-SE, Martins Peralva.

DIA 22

1859 – Nasce Arthur Conan Doyle, o criador de “Sherlock Holmes”, cujas aventuras são lidas com interesse até hoje. Espírita, autor da obra “A História do Espiritismo”, tornou-se um de seus maiores pesquisadores.

1885 - Desencarna Victor Hugo, grande romancista e adepto da Doutrina dos Espíritos.

1867 - No Rio de Janeiro Dr. Bezerra de Menezes toma posse como deputado geral na Assembléia Geral do Império, com a presença de D. Pedro 11, da Princesa Isabel e de seu marido, Conde D'Eu.

DIA 23

1734 - Nasce, em Iznang, Swabia, Alemanha, Franz Anton Mesmer, o grande estudioso do magnetismo.

1889 - Bezerra de Menezes inicia o estudo sistemático de O Livro dos Espíritos, em sessões públicas semanais, na Federação Espírita Brasileira.

1991 – É conferido à Divaldo Pereira Franco, pela Universidade de Montreal, Canadá, o título de “Doctor Honoris Causa in Humanities”.

DIA 24

1957 – Desencarna o esperantista Francisco Waldomiro Lorenz.

DIA 25

1890 – É lançado por Antônio Gonçalves da Silva, em São Paulo, o jornal Verdade e Luz.

DIA 26

1733 – Nascimento de Franz Anton Mesmer.

1878 – No Rio de Janeiro, RJ, desencarna Francisco de Menezes Dias da Cruz (pai).

DIA 27

1733 – Nasce em Repievka, Rússia, Alexandre Asksakof, pesquisador espírita, autor de várias obras.

1873 – Em Paris, França, desencarna o Barão Luiz de Guldenstube, cientista e pesquisados escandinavo, que muito se interessou pelas materializações luminosas.

DIA 28

1989 – Desencarna em Guaratinguetá, SP, Rafael Américo Ranieri. Por muitos anos foi delegado de polícia, além de jornalista e escritor. Exerceu também a mediunidade, deixando várias obras. Autor do livro Materializações Luminosas.

DIA 30

1431 – Joana d'Arc é sacrificada na fogueira, em Rouen-França, por manifestar mediunidade ostensiva. Em 1920 foi canonizada pelo papa Bento V.

DIA 31

1933 – Bezerra de Menezes escreve ao irmão comunicando ter aderido ao espiritismo.

1939 - Chico Xavier em Belo Horizonte recebe homenagem da Federação das Indústrias de Minas Gerais, na eleição dos “Construtores do Progresso”, com o título de “Fraternidade em Pessoa”.

1968 - Em Zurique, Suíça, desencarna o Dr. E. Muller, pesquisador dos fenômenos mediúnicos.

Calendário - Abril

DIA 01

1858 - Data de fundação da Sociedade Espírita de Paris, tendo como fundadores Allan Kardec e outros colaboradores.

DIA 02

1869 - Data do sepultamento, no cemitério de Montmartre, do Codificador da Doutrina Espírita, Allan Kardec.

1910 - Nasce em Pedro Leopoldo, no Estado de Minas Gerais, o médium Francisco Cândido Xavier.

1918 - Desencarna o Fundador do jornal “La Fraternidad”, e um dos fundadores da Confederação Espírita Argentina, o Sr. Antonio Ugarte.

DIA 03

1947 - Em Curitiba - PR, desencarna Dr. Luiz Parigot de Souza, divulgador da Doutrina Espírita em todo o sul do País.

DIA 04

1919 - Data do desencarne de William Crookes, químico e físico, que durante quatro anos pesquisou a mediunidade de Florence Cook, com as materializações do Espírito Katie King. Foi pesquisador espírita e membro da Academia de Ciências de Londres. Seu livro “Fatos Espíritas”, é publicado pela Federação Espírita Brasileira.

1932 - No Rio de Janeiro - RJ, é publicado o primeiro número do jornal Mundo Espírita, sob direção de Henrique Andrade, jornal depois transferido para a Federação Espírita do Paraná.

DIA 07

1926 - Apresentado no Senado dos Estados Unidos, um projeto de lei de autoria do senador James L. Whitley, dando aos médiuns o direito de exercerem livremente os seus dons mediúnicos.

DIA 08

1888 - Data do nascimento de Paulo Hecker, que se tornaria mais tarde presidente da Federação Espírita do Rio Grande do Sul.

DIA 10

1775 - Nasce na Alemanha o “Pai da Homeopatia”, Christian Friedrich Samuel Hahanemann.

1885 - Desencarna Louis Alphonse Cahagnet, um dos pioneiros do Espiritismo.

1901 - Data do desencarne de Pierre Gaétan Laymarie, em Paris, França, redator-chefe e editor da Revista Espírita substituindo Allan Kardec. Foi médium e discípulo de Kardec.

DIA 11

1900 - No Rio de Janeiro - RJ, desencarna Adolfo Bezerra de Menezes Cavalcanti, "O Médico dos Pobres", por duas vezes presidente da FEB.

DIA 12

1927 - Desencarna o “Filósofo da Doutrina Espírita”, o francês Leon Denis. A Federação Espírita Brasileira publica várias de suas obras, entre as quais: “Depois da Morte”; “O Problema do Ser, do Destino e da Dor”; “Cristianismo e Espiritismo”; “No Invisível”; “O Porquê da Vida”; “O Grande Enigma”; entre outras.

DIA 13

1931 - Desencarna o fundador do Instituto Metapsíquico Internacional, Jean Louis Mayer.

DIA 14

1917 - Desencarnação de Lázaro Luis Zamenhof.

1949 - Inicia-se a Primeira Feira Nacional do Livro Espírita, no Rio de Janeiro, patrocinada pelo conselho consultivo de Mocidades Espíritas do Brasil, graças ao trabalho de Arthur Lins de Vasconcelos Lopes.

DIA 15

1864 - Em 1864 é lançada em Paris a primeira edição do livro “Imitação do Evangelho”, de Allan Kardec. A partir da segunda edição tomou o nome definitivo de “O Evangelho Segundo o Espiritismo”.

1865 - Desencarna em 1865, em Washington, EUA, o presidente norte-americano Abraham Lincoln. Foi espírita e realizava sessões na Casa Branca.

1905 - O médium Domingos Filgueiras é indiciado por exercício ilegal da medicina, por ocasião de uma ação da Saúde Pública, invadindo a Sede da Federação Espírita Brasileira.

DIA 16

1835 - Data do nascimento de Frederico Augusto da Silva, fundador da Federação Espírita do Rio Grande do Sul.

1944 - Desencarna em Paris, França, Alexis Carrel, pensador e pesquisados do fenômenos mediúnicos.

DIA 17

1695 - No México, capital, desencarna Sóror Juana Ines de la Cruz, teóloga e poetisa mexicana; nascida em San Miguel Nepantla, México, em 12 de novembro de 1651; é uma das encarnações conhecidas de Joanna de Ângelis, Guia Espiritual do médium Divaldo Pereira Franco.

1893 - Nasce, em João Pessoa, Severino Luna Freire que trabalhou pelo espiritismo na Paraíba.

DIA 18

1857 - Surge a primeira edição de “O Livro dos Espíritos”. Esta data é considerada como um marco da doutrina.

1957 - Em 1957 surge o primeiro selo espírita do mundo, no Brasil, comemorando o centenário do aparecimento de “O Livro dos Espíritos”.

DIA 19

1862 - Nasce em Portugal, Inácio Bittencourt, médium curador, que se transferiu para o Brasil, tendo destacada atuação no movimento espírita brasileiro.

DIA 20

1890 - Instalado na Federação Espírita Brasileira, por Polydoro Olavo de Santiago, o Departamento de Assistência aos Necessitados.

DIA 21

1889 - Nesta data o Dr. Bezerra de Menezes funda o Centro Espírita do Brasil, e a primeira escola de médiuns, juntamente com Augusto Elias da Silva.

DIA 22

1904 - Desencarna Florence Cook, médium, por intermédio da qual o Espírito Katie King se materializava, dando ensejo ao cientista William Crookes estudar o fenômeno com detalhes.

DIA 23

1923 - Desencarna a médium Anna Prado. O escritor espírita Raymundo Nogueira de Faria, no seu livro “O Trabalho dos Mortos”, editado pela FEB, detalha os fenômenos de efeitos físicos nos quais Anna Prado era o agente mediúnico.

DIA 24

1984 - No Rio de Janeiro - RJ, desencarna Deolindo Amorim, jornalista e escritor que idealizou os Congressos Jornalistas e Escritores Espíritas, a ABRAJEE e o Instituto de Cultura Espírita do Brasil.

DIA 25

1882 - Em Leipzig, Alemanha, desencarna Johann Carl Friedrich Zollner, astrônomo e pesquisador dos fenômenos mediúnicos. É o autor do livro “Provas Científicas da Sobrevivência”.

DIA 27

1929 - Desencarna no Rio de Janeiro, José Machado Tosta. Foi incentivador da criação de colunas espíritas da Imprensa.

DIA 28

1921 - Materializa-se o Espírito Rachel Figner, em presença do pai, Frederico Figner, pela mediunidade de Anna Prado.

DIA 29

1380 - Em Roma, Itália, desencarna a mística dominicana Catarina de Siena, em 1970 considerada Doutora da Igreja.

1909 - Desencarna em Barcelona a médium Amália Domingo Soler.

DIA 30

1856 - Transmitida a Allan Kardec, em 1856, a primeira revelação mediúnica a respeito da missão que haveria de desempenhar.

1864 - Lançamento em Paris de "O Evangelho Segundo o Espiritismo".

1969 - Desencarna em Barra do Piraí, RJ, Sebastião Lasneau que foi poeta cego e um dos criadores das Semanas Espíritas.

terça-feira, 11 de maio de 2010

Calendário - Março

DIA 01

1944 – A Federação Espírita do Estado de São Paulo lança o jornal “O Semeador”.

DIA 02

1927 – Surge a revista “Light”, publicada pela Aliança Espírita de Londres.

1948 – Data do desencarne, em Lisboa, de Antonio Joaquim Freire, ex-presidente da Federação Espírita Portuguesa.

DIA 03

1880 – Nasce Gaston Luce, escritor espírita francês.

DIA 04

1858 – Desencarna o magnetizador e pesquisador de fenômenos paranormais, Bento Mure; foi ainda o introdutor da Homeopatia no Brasil.

DIA 05

1815 – Desencarna Mesmer, Franz Anton, médico e magnetizador, pai do Mesmerismo.

DIA 08

1938 – Desencarna Sebastião Paraná de Sá, fundador da Federação Espírita do Estado do Paraná.

DIA 09

1979 – Data do desencarne de José Herculano Pires, autor de vários livros e tradutor das obras de Kardec.

1984 – Desencarnação de Yvonne do Amaral Pereira.

DIA 10

1986 – Desencarna no Rio de Janeiro Francisco Klors Werneck, escritor espírita.

DIA 11

1878 – Nasce, em Juiz de Fora, MG, a médium Zilda Gama.

1951 – Desencarna na cidade de Niterói, Rio de Janeiro, um dos organizadores do 1o. Congresso de Mocidades Espíritas do Brasil, João Batista Chagas.

DIA 14

1847 – Nascimento de Castro Alves.

DIA 16

1893 – Data do desencarne do pioneiro do Espiritismo no Brasil, Luiz Olimpio Telles Menezes. Fundou o Grupo Familiar do Espiritismo e o jornal “Eco d*Além Túmulo”.

DIA 18

1860 – Lançamento em Paris da Segunda Edição de "O Livro dos Espíritos", com 1019 perguntas.

DIA 19

1819 – Nasce José Maria Fernandez Colavida, tradutor das obras de Kardec para o espanhol. A Fed. Esp. Brasileira publica “A Barqueira do Júcar”, um dos seus livros.

1839 – Nasce em Portugal, na Freguesia de Águas Santas, Antonio Gonçalves da Silva Batuíra, médium curador espírita. Desencarnou em 22/01/1909, em São Paulo/Capital. Tornou-se espírita, através do conforto e consolação encontrados no Espiritismo, por ocasião da perda de um filho. Dedicou-se arduamente a obras de caridade, filantropia e auxílio aos semelhantes, além de trabalhar em prol da divulgação e do desenvolvimento do Espiritismo.

1963 – Desencarna Ângelo Watson Campelo, substituto de Caírbar Schutel em “O Clarim”.

DIA 20

1833 – Nasce, em Currey, Escócia, Daniel Douglas Home, considerado o maior médium de efeitos físicos do mundo moderno.

DIA 21

1880 – É fundado o Grupo Espírita Fraternidade, no Rio de Janeiro. Entre os fundadores estavam Bittencourt Sampaio, Antonio Luiz Sayão e o médium Frederico Júnior.

1945 – Data do desencarne de Frederico Augusto da Silva, um dos fundadores da Federação Espírita do Rio Grande do Sul.

1952 – Desencarna em São Paulo, o Dr. Artur Lins de Vasconcelos Lopes. Teve participação ativa no “Pacto Áureo”, sendo um dos integrantes da “Caravana da Fraternidade”, que percorreu vários estados em prol da unificação.

DIA 22

1882 – Esta data assinala a publicação pela primeira vez na língua portuguesa o livro “A Gênese”, de Allan Kardec.

DIA 23

1857 – Nasce Gabriel Delanne. “o cientista da Codificação Espírita”. A Federação Espírita Brasileira publica seus livros: “A Alma é Imortal”, “O Espiritismo Perante a Ciência”, “A Evolução Anímica”, “O Fenômeno Espírita”, “A Reencarnação”.

1876 – Data de fundação da Sociedade de Estudos Espíritas Deus, Cristo e Caridade, sob a inspiração de Ismael, Guia Espiritual do Brasil, visando uma maior difusão doutrinária.

DIA 24

1881 – Surge o jornal “União e Crença”, publicado em Areias, São Paulo.

DIA 25

1856 – Allan Kardec toma conhecimento, através de uma comunicação mediúnica, da existência do "Espírito de Verdade", esteio da Codificação.

1939 – Desencarna, em 1939, José Florentino de Sena, mais conhecido como José Petitinga. Jornalista, poeta e abolicionista, foi o 1º Presidente da União Espírita Bahiana.

DIA 26

1964 – Desencarna Antonio Lima. Alem de tradutor das obras de Kardec, escreveu livros, tendo a FEB publicado “A Caminho do Abismo”, “Estrada de Damasco”, “Senda de Espinhos”, “Vida de Jesus”.

DIA 27

1891 – Nasce, em Teixeira, PB, Artur Lins de Vasconcelos.

1896 – Surge “Alvião”, jornal espírita publicado na cidade de Taubaté, São Paulo.

1947 – Primeira oratória espírita de Divaldo Pereira Franco, em Aracajú / SE.

DIA 28

1905 – Nasce Francisco Klors Werneck, um dos fundadores da Liga Espírita do Brasil.

DIA 29

1772 – Desencarna o médium Emmanuel Swedenborg, um dos precursores do Espiritismo. Em 1688, na mesma data de 29 de março, nasceu na Suécia.

DIA 30

1969 – Data do desencarne de Sebastião Lasneau. Poeta cego, um dos criadores da “Semana Espírita”.

DIA 31

1848 - Iniciam os fenômenos de Hydesville, EUA, com a família Fox.

1854 - Nasce em Minervino, Itália, Eusápia Paladino, uma das maiores médiuns do mundo.

1869 - Desencarna, 1869, Denizard Hypolytte Léon Rivail, mais conhecido como o codificador do espiritismo Allan Kardec, em Paris (França), vítima da ruptura de um aneurisma. Eminente pedagogo, poliglota, escritor, tradutor e pesquisador, deu ao mundo o conhecimento científico da Doutrina Espírita, a sua filosofia, e a base de todo raciocínio religioso, comprovado na reencarnação e evolução do Espírito. Atinge o auge, em 1848, uma série de fenômenos em Hydesville, EUA, envolvendo a família Fox, que deram início às investigações modernas sobre a manifestação dos espíritos.

1870 - É inaugurado em Paris, no cemitério de “Pére-Lachaise”, o monumento funerário de estilo celta para receber os despojos de Allan Kardec.

1897 – Data de fundação da Livraria da Federação Espírita Brasileira.

1903 – Desencarna Antonio Luiz Sayão, escritor espírita. A FEB publica sua obra “Elucidações Evangélicas”.

Calendário - Fevereiro

DIA 01

1834 – Nasce no ano de 1834, na Província de Sergipe, Francisco Leite de Bittencourt Sampaio, médium espírita, autor dos livros “A Divina Epopéia”, “Do Calvário ao Apocalipse” e “Jesus Perante a Cristandade”, todos publicados pela Federação Espírita Brasileira; foi também Magistrado e Político.

1841 – Nasce, em Buffalo, Estados Unidos, William Henry Davenport, grande médium de efeitos físicos.

1856 – Nasce em Resende, Rio de Janeiro, no ano de 1856, a professora Anália Franco, criadora de várias instituições educativas e de assistência social.

1905 – Nasce, em Pacatuba, (CE), Francisco Peixoto Lins, mais conhecido como Peixotinho, notável médium de efeitos físicos, conhecido, especialmente, pelas materializações luminosas.

DIA 02

1847 – Nascimento de Thomas Alva Edson.

1895 – Desencarna a fundadora do Hospital Psiquiátrico Antonio Luiz Sayão, Dra. Genny Villas Boas Mercatelli.

DIA 03

1953 – Lançada em São Paulo a “Campanha Auta de Souza”, na Federação Espírita do Estado de São Paulo.

DIA 05

1876 – Em Manchester, Inglaterra, são apresentadas moldagens em parafina de mão e pés de espíritos materializados por intermédio do médium William Osley.

DIA 06

1832 – Realiza-se o casamento de Allan Kardec com a professora Amélie Gabrielle Boudet.

1837 – Nasce em Salvador, Bahia, um dos pioneiros do Espiritismo no Brasil, Julio César Leal.

1843 – Nasce, na Inglaterra, Frederic William Henry Myers, pesquisador de fenômenos mediúnicos.

1915 – Desencarna, no Rio de Janeiro o médico Joaquim Carlos Travassos, a quem o espiritismo nacional deve a primeira tradução, em língua portuguesa, de O Livro dos Espíritos, O Livro dos Médiuns, O Céu e o Inferno e O Evangelho Segundo o Espiritismo, de Allan Kardec.

DIA 07

1901 – Data do desencarne da poetisa Auta de Souza, na cidade de Natal, RN.

DIA 08

1891 – Nasce em Pernambuco João Pinto de Souza; criou em 1937 a “Hora Espiritualista”, programa radiofônico no Rio de Janeiro.

1836 – Desencarna o Sr. Manoel Porteiro, colaborador do movimento espírita na América do Sul.

DIA 09

1877 – Data de fundação da “Associação Espírita Constância”, em Buenos Ayres, Argentina.

1980 – Desencarna, em Sacramento (MG), Corina Novelino, trabalhadora espírita no campo de assistência social do grupo de Eurípedes Barsanulfo.

1939 – O Romance histórico "Há Dez Mil Anos", iniciado em 24/10/38, ditado pelo Espírito Emmanuel, na psicografia de Francisco Cândido Xavier foi dado como concluído.

DIA 10

1844 – Nasce, na Ilha da Jamaica, Sir William Fletcher Barret, físico, estudioso dos fenômenos psíquicos. Foi presidente da Sociedade de Investigações Psíquicas de Londres.

1979 – Desencarna Luiz Postiglioni, trabalhador espírita na Argentina.

DIA 11

1889 - Nasce em Serravalle-Sevia - Piemonte - Itália, João Ghignone, presidente da Federação Espírita do Paraná por mais de 40 anos.

DIA 12

1809 – Nasce Abraham Lincoln. Foi presidente dos Estados Unidos e realizava sessões mediúnicas na Casa Branca.

1929 – Desencarna o pesquisador da mediunidade de efeitos físicos, Albert von Scherenck-Notzing.

DIA 13

1967 – Desencarna na cidade de Natal, RN, o antigo presidente da Federação Espírita do Rio Grande do Norte, Abdias Antonio de Oliveira.

DIA 14

1982 – Desencarna em Recife, Pernambuco, o ex-presidente da Cruzada Espírita Pernambucana, Severino Ramos da Fonseca.

1988 – O médium Divaldo Pereira Franco realiza palestra na cidade de Nova Delhi, Índia.

DIA 15

1925 – Cairbar Schutel lança a “Revista Internacional de Espiritismo”

1926 – Desencarna Gabriel Delanne. A Federação Espírita Brasileira publica seus livros que abordam o aspecto científico da Doutrina: “A Alma é Imortal”, “O Espiritismo Perante a Ciência”, “A Evolução Anímica”, “O Fenômeno Espírita”, “A Reencarnação”.

DIA 16

1947 – Desencarna, no Hospital Colônia de Pirapitingui, Jésus Gonçalves, vítima de hanseníase. Poeta, teatrólogo, contraiu a lepra aos 27 anos. Convertido ao Espiritismo, fundou a Sociedade Espírita Santo Agostinho, dentro do próprio leprosário.

DIA 17

1927 – Desencarna o grande mestre João Henrique Pestalozzi. Allan Kardec foi seu discípulo.
- Deixa o corpo carnal o poeta, jornalista, escritor, teatrólogo e humorista Cornélio Pires. Caracterizou sua crença espírita em dois livros: “Coisas do Outro Mundo” e “Onde Estás, ó Morte”, do além pela psicografia de Chico Xavier, “Baú de Casos”, “Retratos da Vida” etc.

DIA 18

1891 – É fundado pelo Dr. Bezerra de Menezes o “Grupo Espírita Regeneração”.

1943 – Desencarna, no Rio de Janeiro, Inácio Bittencourt, médium curador de largos recursos e grande propagandista espírita.

DIA 20

1822 – Desencarna em Salvador, Bahia, a freira Joanna Angélica de Jesus. Hoje, como Joanna de Angelis, trabalha em favor da Humanidade, pelo médium Divaldo Pereira Franco. Morreu assassinada durante uma invasão das tropas portuguesas ao Convento da Lapa (Salvador-BA), por soldados do General Madeira.
- Instalada em Londres, em 1822, a Sociedade de Pesquisas Psíquicas, que contou com os mais famosos cientistas da época entre seus membros.

DIA 23

1977 - Desencarna no Rio de Janeiro, Emiliano Gomes de Mendonça. Foi seminarista da Igreja Prebisteriana que se converteu ao espiritismo ao ler as obras de Kardec, no intento de argumentar contra Vianna de Carvalho.

DIA 24

19XX - O conferencista, médium curador e passista Luiz Burgos Filho, desencarna em Recife (PE). Colaborou em São Paulo na FEESP com Cairbar Schutel no “Clarim” e “Revista Internacional de Espiritismo”.

DIA 26

1802 – Nasce na França o romancista Victor Hugo; era adepto do Espiritismo.

1842 – Nasce Camille Flammarion, astrônomo e divulgador da Doutrina dos Espíritos. A Federação Espírita Brasileira publica seus livros: “Deus na Natureza”, “A Morte e os Seus Mistérios”, “Estela”, “O Fim do Mundo”, entre outros. Médium da codificação e considerado o poeta do espiritismo.

1928 – Desencarna, na França, Henri Sausse, biógrafo de Allan Kardec e ativo integrante do movimento espírita a partir de 1869.

DIA 27

1853 – Nasce no Rio de Janeiro Francisco de Menezes Dias da Cruz. Foi médico Homeopata e presidente da Federação Espírita Brasileira.

Calendário - Janeiro

DIA 01

1846 – Nasce o filósofo da Doutrina, Léon Denis, autor de vários livros doutrinários.

1858 – É fundada por Allan Kardec, em 1858, a Revista Espírita, publicação mensal que apresentava a situação mundial do Espiritismo, assim como textos e comunicações mediúnicas sobre assuntos diversos do movimento.

1875 – Publicada a primeira folha espírita do Rio de Janeiro e a segunda do Brasil, com o nome de Revista Espírita.

1884 – É eleita a primeira diretoria da Federação Espírita Brasileira, tendo como presidente o major Francisco Raimundo Ewerton Quadros.

DIA 02

1870 – Desencarna em 1879, Jean Baptiste Roustaing, Advogado da Corte de Bordéus. Coordenou a obra Os Quatro Evangelhos, publicada em 1866, na qual defende a tese do corpo fluídico de Jesus.

1889 – Nasce em Botucatu (SP), o professor Carlos Carmine Mirabelli , um dos mais perfeitos médiuns brasileiros; foi pesquisado por cientistas e principalmente pelo Instituto “César Lombrose”.

1894 – Instalada em Brasília a sede central da FEB.

DIA 03

1412 – Nasce na França, Jeanne D’Arc, médium, que foi sacrificada na fogueira, devido aos seus ostensivos dons mediúnicos.

DIA 04

1903 – Desencarna em São Petersburgo, Rússia, o cientista Alexandre N. Aksakof, no ano de 1903; a FEB publica dois de seus livros: Animismo e Espiritismo, em dois volumes, e Um Caso de Desmaterialização.

1952 – Desencarna na cidade de Bristol, Inglaterra, Ernest W. Oaten, espírita e companheiro de Conan Doyle.

DIA 06

1868 – Surge nas livrarias a primeira edição de “A Gênese”, de Allan Kardec.

DIA 07

1895 – Nasce em Recife esperantista e médium psicógrafo Porto Carreiro Neto.

DIA 08

1958 – É fundado no Rio de Janeiro, em 1958, o Lar Fabiano de Cristo, por Jayme Rolemberg e Carlos Pastorino.

DIA 09

1862 – Nasce na cidade de Gênova, Itália, Ernesto Bozzano, pesquisador de fenômenos espíritas. Dedicou-se ao estudo dos fenômenos espíritas e autor de várias obras do gênero.

1934 – Desencarna, em Porto Alegre-RS, o orador espírita lvon Costa.

DIA 10

1868 – Nasce em Paris, França, Hubert Forestier. Foi diretor da Sociedade Espírita de Paris, fundada por Kardec.

1969 – Desencarna aos 91 anos a professora Zilda Gama, médium psicógrafo, tendo produzido por intermédio do Espírito Victor Hugo, diversos romances mediúnicos.

DIA 11

1874 – Nasce na cidade de Natal, Rio Grande do Norte, Adelaide Augusta Câmara, mais conhecida como Aura Celeste, extraordinária médium, além de poetisa, contista e educadora.

1965 – Desencarna em Paris, França, o escritor espírita Gaston Luce, em 1965.

1971 – Desencarna o médium José Pedro de Freitas, mais conhecido como Zé Arigó, vítima de acidente automobilístico.

DIA 12

1827 – Nasce em Zurique, Suíça, o educador João Henrique Pestalozzi, em 1827. Teve grande influência na formação de Hippolyte Léon Denizard Rivail, reconhecido mais tarde como Allan Kardec.

DIA 13

1910 – Desencarna Andrew Jackson Davis, médium americano. Recebeu a obra Filosofia Harmônica e foi um dos precursores do Espiritismo.

1919 – Desencarna, em 1919, em São Paulo, a emérita educadora Anália Emília Franco Bastos; espírita convicta constituiu 71 escolas, 2 albergues diurnos, 23 asilos, 1 colônia regeneradora, 1 banda musical feminina, orquestras e grupos dramáticos, tanto na capital quanto no interior.

1968 – Primeira reunião de médicos espíritas para fundar a Associação de Médicos Espíritas, em São Paulo, SP.

DIA 14

1942 – Desencarna Antônio José Trindade, em São Paulo, SP. Foi um dos fundadores da FEESP. Nasce em Portugal, em 1857, José de Paiva. Foi Presidente e fundador do Centro Espírita Discípulos de Allan Kardec.

DIA 15

1861 – Aparece a primeira edição de “O Livro dos Médiuns”, de Allan Kardec.

1875 – Exposto à venda no Rio de Janeiro a primeira tradução de "O Livro dos Espíritos", com anúncio no Jornal do Commércio (traduzido da 20ª ed. Francesa, por Joaquim Carlos Travassos).

1890 – É fundado o jornal A Luz, órgão do Centro Espírita de Curitiba, PR.

DIA 16

1916 – Fundada em João Pessoa, PB, a Federação Espírita Paraibana.

1949 – Realiza-se o primeiro Congresso Educacional Espírita do Estado de São Paulo.

DIA 17

1875 – Nasce no Estado do Maranhão, Luís Olímpio Guillon Ribeiro. Engenheiro civil, exerceu vários cargos no Senado Federal. Foi presidente da FEB, dedicando-se com esmero às tarefas de divulgação através da imprensa.

1901 – Desencarna, em Roma Itália, Frederic William Henry Myers, literato inglês, um dos fundadores da Sociedade de Investigações Psíquicas de Londres.

DIA 18

1969 – Desencarna, no Rio da Janeiro - RJ, Ismael Gomes Braga, jornalista ativo do movimento espírita e esperantista.

DIA 19

1947 – Desencarna no Rio de Janeiro,em 1947, aos 80 anos, Frederico Figner. Autodidata, destacou-se como empresário no Brasil. Como espírita convicto participou ativamente do movimento, sendo alma caridosa e lúcida.

DIA 20

1919 – Desencarna a prof. Anália Franco, notável educadora, trabalhadora incansável da caridade, tendo fundado diversas instituições para abrigo dos necessitados.

DIA 21

1854 – Nasce em Nápoles, Itália, Eusápia Paladino, notável médium de efeitos físicos. Foi pesquisada por inúmeros cientistas, convencendo vários sobre a veracidade da comunicação espiritual.

1883 – Desencarna Amélie Gabrielle Boudet, esposa de Allan Kardec, aos 87 anos de idade.

1883 – É fundada por Augusto Elias da Silva, a revista Reformador, órgão de divulgação da Federação Espírita Brasileira.

DIA 22

1909 – Desencarna em 1909, Antônio Gonçalves da Silva Batuíra. Comerciante, converteu-se ao espiritismo, do qual se tornou ardoroso divulgador. Foi notável médium curador. Criou vários grupos espíritas em vários estados.

DIA 23

1908 – Nasce em Baixa Grande, BA, o escritor e jornalista Deolindo Amorim, em 1908, embora em seus documentos conste o ano de 1906; fundou o Instituto de Cultura do Brasil e escreveu livros como “O Espiritismo e as Doutrinas Espiritualistas”; “O Espiritismo e os Problemas Humanos”; “O Espiritismo à Luz da Crítica”; além de outros.

DIA 25

1865 – Desencarna Antoine Demeure, médico homeopata e grande divulgador da doutrina espírita.

1863 – É fundado em Nova York, EUA, por Andrew Jackson Davis, o Liceu Espírita.

DIA 26

1869 – A Sociedade Dialética de Londres nomeia uma comissão para investigar os fenômenos espíritas, concluindo, 18 meses após as experimentações, pela veracidade dos mesmos.

DIA 27

1995 – O estado da Bahia inclui Divaldo Pereira Franco num painel artístico dos vultos históricos baianos, situado no plenário da Assembléia Legislativa.

DIA 28

1905 – Desencarna em Tarrasa, Espanha, o escritor, médium e orador espírita Miguel Vives y Vives. Foi fundador da Federación Espírita del Valles e da Revista Union.

DIA 30

1938 – Desencarna em Matão, São Paulo, Cairbar de Souza Schutel, um dos grandes vultos espíritas no Brasil. Político convertido ao espiritismo fundou o jornal O Clarim e a Revista Internacional do Espiritismo. Foi polemista de grandes recursos, tendo defendido a doutrina numerosas vezes em praça pública. Escreveu várias obras.